Profile

Maria Clara Bezerra @maria_clara76


About Me

-

Proposals

Appium e Python: iniciando automação de teste mobile.

Resumo:


Appium é uma ferramenta open-source com foco em automação de testes para aplicações web, mobile e híbridas. É multiplataforma, portanto suporta iOS, Android, Windows e Mac, os principais ambientes operacionais do mercado. O uso combinado de ferramentas como Appium e de linguagens poderosas como Python podem trazer grandes ganhos ao processo de desenvolvimento de software. É inegável que hoje a grande parte dos acessos a serviços e sistemas partem dos dispositivos móveis dos nossos usuários. A garantia de qualidade do serviço prestado ou software oferecido é crucial na etapa de desenvolvimento do produto e, para isso, devemos definir bem estratégias de teste de software para que bugs funcionais e não-funcionais sejam identificados o quanto antes no ambiente de desenvolvimento. Como testes manuais muitas vezes são repetitivos e suscetíveis ao erro humano (por fatores como cansaço, interpretação incorreta de requisito, dentre outros), uma boa prática é a automação de testes através de ferramentas e frameworks específicas para cada necessidade do projeto. Esse tutorial tem como objetivo iniciar automação de teste de software através do uso da ferramenta Appium com a linguagem python em dispositivos móveis.


Outline


Introdução (10 minutos)


- Mercado de dispositivos móveis no mundo


- Uso de software a partir de dispositivos móveis no mundo


- Qualidade de Software: o que é?


- Casos comparativos de custo (tempo e R$) de execução manual versus automática


 


Desenvolvimento da ideia (20 minutos):


- Qualidade de Software: quais os recursos disponíveis para essa tal garantia?


- O que é Appium?


- Como podemos combinar Appium e Python?


 


Parte prática (2 horas):


- Instalando o PyCharm


- Instalando o Appium


 


- Identificação de elementos de uma aplicação móvel


- Estruturando um caso automatizado simples


 


- Primeiros testes automatizados com Appium e Python


(Acompanhamento das atividades junto com a turma)


 


Conclusão (20 minutos)


- Retrospectiva da importância do teste de software


- Retrospectiva do que é Appium e quais proveitos podemos ter com essa ferramenta combinada com Python


- Retrospectiva dos desafios técnicos identificados durante a realização do tutorial


- Sugestão de próximos passos de continuidade de estudo do Appium com Python.


 


Abertura para perguntas e respostas (10 minutos)


- Perguntas e respostas


 


Público-alvo:


Pessoas que trabalham com qualidade de teste de software através de testes manuais. Pessoas que pretendem implantar a etapa de teste de software em seu projeto - seja esta etapa manual ou automática. Pessoas que programam em Python e desejam conhecer um pouco mais sobre Appium.


 


O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?


 


Este tutorial tem como objetivo disseminar a importância da etapa de testes durante o processo de desenvolvimento de software, considerando que existem ferramentas que possibilitam a automação dos testes destas atividades, contemplando validações funcionais e não-funcionais. Durante o tutorial, o participante irá aprender a configurar e iniciar testes automáticos com a ferramenta Appium e linguagem Python, possibilitando o aumento na garantia de qualidade do seu produto, bem como a cobertura de validação dos testes de seu software.

Appium e Python na automação de teste de software: como começar?

Resumo: Appium é uma ferramenta open-source com foco em automação de testes para aplicações web, mobile e híbridas. É multiplataforma, portanto suporta iOS, Android, Windows e Mac, os principais ambientes operacionais do mercado. É inegável que hoje a grande parte dos acessos a serviços e sistemas partem dos dispositivos móveis dos nossos usuários. A garantia de qualidade do serviço prestado ou software oferecido é crucial na etapa de desenvolvimento do produto e, para isso, devemos definir bem estratégias de teste de software para que bugs funcionais e não-funcionais sejam identificados o quanto antes no ambiente de desenvolvimento. Como testes manuais muitas vezes são repetitivos e suscetíveis ao erro humano (por fatores como cansaço, interpretação incorreta de requisito, dentre outros), uma boa prática é a automação de testes através de ferramentas e frameworks específicas para cada necessidade do projeto. Essa palestra tem como objetivo guiar as etapas inicias da adoção de automação de teste de software através do uso da ferramenta Appium com a linguagem python em dispositivos móveis.


 


Outline:


Introdução (5 minutos)


- Mercado de dispositivos móveis no mundo


- Teste de software nesse contexto


- Casos comparativos de custo (tempo e R$) de execução manual versus automática


 


Desenvolvimento (20 minutos):


- Qualidade de Software: quais os recursos disponíveis para essa garantia?


- O que é Appium?


- Como podemos usar Appium com Python?


- Qual a melhor maneira de iniciar este tipo de automação do zero?


- Estruturando um caso automatizado simples


  


Conclusão (5 minutos)


- Retrospectiva da importância do teste de software no contexto móvel


- Retrospectiva do que é Appium e quais proveitos podemos ter com essa ferramenta


 


Perguntas e Respostas (10 minutos)


- Tempo aberto ao público para perguntas e respostas.


 


Público-alvo: Pessoas que trabalham com qualidade de teste de software através de testes manuais. Pessoas que pretendem implantar a etapa de teste de software em seu projeto. Pessoas que programa em Python e ainda não conhecem o Appium.


 


O que o público deve esperar desse tutorial? Aprender a importância da etapa de testes durante o processo de desenvolvimento de um software, considerando que existem ferramentas que possibilitam a automação dos testes destas atividades, contemplando validações funcionais e não-funcionais. Por fim, aprender a configurar e iniciar testes automáticos com a ferramenta Appium e linguagem Python, possibilitando o aumento na garantia de qualidade do produto, bem como na cobertura de validação dos testes.

Como meu time de qualidade deixou de ser apenas um executor de testes manuais para ser uma referência em automação de testes para Android utilizando Python?

Resumo:


Meu time de testes começou com 4 pessoas (sendo 2 estagiários) e com 100% das demandas para execuções de testes manuais de forma prioritária. Nosso projeto tem como cliente uma grande multinacional de dispositivos móveis cuja plataforma é Android. Após pouco mais de 2 anos, meu time cresceu (recebeu maior alocação de pessoas), criou um ambiente de automação de testes baseado no framework de código aberto PyTest, ganhou espaço com o cliente para igualar a priorização de atividades manuais junto com as automatizadas e vem sendo utilizado como modelo de referência para outros times de automação do mesmo cliente - em institutos diferentes.


 


Essa palestra tem como objetivo apresentar as etapas do processo de adoção e experimentação de frameworks, padrões, e práticas de desenvolvimento de software durante a concepção de um ambiente em Python para automação de testes para Android. Além disso, pretende-se também apresentar os próximos passos planejados e como pretendemos chegar lá.


 


Público-alvo:


Profissionais da área de teste de software que já trabalham com automação ou que querem saber mais sobre o assunto; pessoas que desenvolvem aplicações móveis; pessoas que tem grande interesse em conhecer como funciona o contexto de teste de software. Não precisa ter conhecimento prévio específico de Python; este conteúdo é recomendado para qualquer nível de experiência com Python.


 


O que devem esperar:


Um estudo de caso com um modelo validado de como foi concebido o processo de adoção de um ambiente de automação do zero tendo como base o framework de testes Pytest; e como dar alguns passos iniciais para a criação de um ambiente de automação de teste de software utilizando Python.

import requests: como realizar fluxos (e testes) de API em Python através da biblioteca Requests

Resumo:


Requests é uma biblioteca HTTP em Python cuja finalidade é a realização de requisições entre serviços de forma bastante simplificada, eliminando grandes esforços de validações manuais. Dada sua estrutura e combinando com a linguagem Python, é possível criar testes de API com grande potencial de automação, trazendo ganhos ao processo de teste de software para produtos que utilizam de API no seu desenvolvimento. 


A proposta deste workshop é de apresentar a biblioteca "requests" em termos de estrutura e funcionamento e, com a linguagem Python, realizar o fluxo dos principais métodos HTTP (POST, GET, PUT DELETE) seguindo padrões de automação de teste de software.


 


Público-alvo:


Profissionais da área de teste de software que já trabalham com automação ou que querem saber mais sobre o assunto; pessoas que desenvolvem software com APIs; pessoas desenvolvedoras ou testers que querem saber como funcionam requisições para APIs.


Este conteúdo é recomendado para qualquer nível de experiência com Python.


 


O que devem esperar:


Conhecer a biblioteca python "requests" em termos de estrutura e funcionamento e realizar fluxos como POST, GET, PUT, DELETE em uma API seguindo padrões de automação de teste de

Python para Android: desafios de um time de automação de testes para dispositivos móveis.

Resumo:


Quando se trabalha com Android alguns pontos polêmicos estão sempre presentes: fragmentação de versões diferentes de Android, interoperabilidade das aplicações, diferentes tamanhos e resoluções de tela, otimização de recursos do dispositivo móvel. Quando falamos de automação de testes para Android, acrescentamos ainda a manutenção do código do ambiente - afinal a plataforma recebe pelo menos 1 update ao ano. 


Escolher a linguagem e frameworks mais apropriados, adotar práticas de desenvolvimento do código, nivelar conhecimento do time, adoção de padrões, criação de bibliotecas: um time de automação de testes para Android vai muito além da execução e é preciso tirar o máximo de proveito de mundos como o de Python para que estes desafios sejam tratados e que o ambiente de automação seja um grande aliado e não uma dor de cabeça.


Essa palestra tem como objetivo apresentar os principais desafios de um ambiente de automação de testes para Android que utiliza Python como linguagem e o PyTest como framework. Com isto, vamos apresentar como utilizamos de soluções em Python (e quais) para lidar com estes desafios e entregar um ambiente de automação estável e funcional.


 


Público-alvo:


Profissionais da área de teste de software que já trabalham com automação ou que querem saber mais sobre o assunto; pessoas que desenvolvem aplicações móveis; pessoas que tem grande interesse em conhecer como funciona o contexto de teste de software. Não precisa ter conhecimento prévio específico de Python; este conteúdo é recomendado para qualquer nível de experiência com Python.


 


O que devem esperar:


Um relato de como é trabalhar em um ambiente de automação de teste de software para Android utilizando soluções em Python e quais são os grandes desafios para este contexto.