Profile

Camilla Falconi @camilla


About Me

-

Proposals

Como melhorar o onboarding no seu time com uma DevCLI

Onboarding é a arte de integrar pessoas num time ou em uma organização. Isso envolve apresentar a pessoa recém chegada a vários aspectos do projeto. As tarefas iniciais dessa pessoa podem ser muitas: entender o contexto e a visão técnica ou arquitetura, conhecer as pessoas, saber horários e cerimônias. Mas, pra uma pessoa técnica – seja ela desenvolvedora ou analista de qualidade,  é fundamental que o ambiente esteja redondinho em sua máquina para que ela possa entender e se adaptar à aplicação, ao código fonte e aos demais artefatos técnicos, antes de poder contribuir.


O setup de um ambiente envolve instalações e execução de comandos - muitos, muito frequentemente. É fácil se confundir com versões e achar que o ambiente está em conformidade com o dos demais. Ou até mesmo fazer coisas erradas por seguir uma documentação obsoleta.


Scripts são documentações executáveis. E uma DevCLI é uma interface de comando no terminal composta por diversos scripts visando fazer a vida das desenvolvedoras mais fácil.


O setup do ambiente é apenas uma das coisas em que uma DevCLI pode nos auxiliar. É notável o ganho de tempo de onboarding quando comparado com times que não usam essa técnica. Executar testes de regressão a cada mudança traz a confiança que a pessoa nova precisa de que ela não é responsável por inserir bugs e ela vai se sentir mais confortável em contribuir. Com uma DevCLI é possível ter um comando que execute todos os testes, verifique as dependências e instalações, e muito mais.


Apresentaremos um exemplo de uma DevCLI para que se possa entender como funciona, quais as diferenças de um comando completo e do mesmo numa interface de comando customizada; além de saber como criar uma DevCLI para tirar proveito dessa técnica ao aplicar em seus projetos!


(Por Camilla Crispim e Gabriel Bareto)