Perfil

Bernardo Fontes @bernardo


Sobre mim

-

Eventos

Python Sudeste 2017 [TUTORIAIS]

Colabore com o evento na campanha do Catarse!

A segunda edição da Python Sudeste ocorrerá no Rio de Janeiro nos dias 5 e 6 de Maio. O evento tem como objetivo não só falar sobre Python, mas também reunir em uma mesma cidades pessoas interessadas em Python que estão espalhadas, principalmente, pela região Sudeste do Brasil. Diretamente inspirado pela já consolidada Python Nordeste, esta é a segunda edição do evento que teve como sede anterior Belo Horizonte.

Como inovação para esta edição, a votação dos tutorias, assim como as das palestras, será anônima. Ou seja, o eleitor só terá acesso ao título e à descrição do tutorial no momento de votar. Já realizamos esta experiência com o XVI Encontro da PythonRio e ela foi bastante proveitosa. O intuito é focar mais no conteúdo e menos nas pessoas, permitindo assim um espaço mais democrático para que novas pessoas possam falar sobre o que andam fazendo com Python. Cada tutorial pode ter a duração de no máximo 2 horas e meia e as submissões serão aceitas até o dia 15 de Março.

Submeta sua proposta e, precisando de mais informações, não hesite em falar conosco pelas páginas no Facebook da Python Sudeste ou da PythonRio!

Python Sudeste 2017 [PALESTRAS]

Colabore com o evento na campanha do Catarse!

A segunda edição da Python Sudeste ocorrerá no Rio de Janeiro nos dias 5 e 6 de Maio. O evento tem como objetivo não só falar sobre Python, mas também reunir em uma mesma cidades pessoas interessadas em Python que estão espalhadas, principalmente, pela região Sudeste do Brasil. Diretamente inspirado pela já consolidada Python Nordeste, esta é a segunda edição do evento que teve como sede anterior Belo Horizonte.

Como inovação para esta edição, a votação das palestras será anônima. ou seja, o eleitor só terá acesso ao título e à descrição da palestra no momento de votar. Já realizamos esta experiência com o XVI Encontro da PythonRio e ela foi bastante proveitosa. O intuito é focar mais no conteúdo e menos nas pessoas, permitindo assim um espaço mais democrático para que novas pessoas possam falar sobre o que andam fazendo com Python. Cada palestra terá 40 minutos, sendo 30 para a palestra e 10 para perguntas e elas serão aceitas até o dia 15 de Março.

Submeta sua proposta e, precisando de mais informações, não hesite em falar conosco pelas páginas no Facebook da Python Sudeste ou da PythonRio!

Propostas

Apaixonando-se por Python

Para um desenvolvedor vindo de um mundo de linguagens mais burocráticas como Java e C, Python apresenta-se como um verdadeiro canivete suíço leve e prático!  Nessa palestra pretendo apresentar as funcionalidades buitl-in da linguagem que foram verdadeiros amores a primeira vista.

Ataque às fronteiras - isolando e testando suas integrações externas

Num ambiente web cada vez mais descentralizado, é comum termos muitas integrações com serviços externos no nosso código. Muitos desses serviços são críticos para a aplicação e a má implementação da comunicação com eles em nosso código pode virar uma enorme dor de cabeça.


Nessa paletra, pretendo apresentar como realizar essas integrações de uma maneira sustentável que facilite a manutenção dessas integrações e também a sua testabilidade.  

Desenhando doideras com Python

 


Duração: 40 minutos


Público: qualquer pessoa


 


Minha ideia é mostrar mostrar o modo Python do Processing apresentando:


 


Random walkers - mesma técnica que apresentei na PythonBrasil[14] em Natal


Manipulação de imagens - como gerar glitches mais orgânicos e estruturados em imagens (apresentarei 4 exemplos que já criei com diferentes técnicas)

Desenhando Doideras com Python

Nessa palestra pretendo apresentar o modo Python do Processing. Pretendo falar sobre dois conceitos para a criação de objetos digitais - Maze builders e Perlin noise - mostrando como utilizá-los de uma maneira simples e pythônica.


Processing é uma linguagem de programação de código aberto e ambiente de desenvolvimento integrado (IDE), construído para as artes eletrônicas e comunidades de projetos visuais com o objetivo de ensinar noções básicas de programação de computador em um contexto visual e muito utilizado por artistas para gerar obras digitais.

Matando um Monolítico Django: de Pluggable Apps aos Microservices

Muito fala-se hoje sobre microservices como a principal solução para lidarmos com a quebra de sistemas monolíticos em sistemas web. Entretanto, já começar nesse úlitmo nível é difícil pois envolvem muitas camadas e muitas tarefas com o que se preocupar. Nessa palestra, apresento as decisões de arquitetura (com os pontos prós e contra) que tive que tomar para matar gradualmente um sistema legado Django desde a primeira estratégia até a utilização de microserviços. Nessa palestra gostaria de falar sobre questões como o coração do DDD que, na minha visão, são a questão do Bounded Context e da definição fronteiras e da maneira com que pude experimentar diversas maneiras de resolver essa questão no Django até chegar a uma arquitetura de micro serviços. Nesse processo pude avaliar diversos pontos positivos e negativos das abordagens que tive desde criar pluggable apps Django, utilizar estratégias de CQRS, estratégias de banco múltiplos e a estratégia de micro serviços em si.

Orientação a Objetos em Python

É muito comum o pensamento iniciante de que Orientação a Objetos é só escrever classes com métodos de get/set. Isso leva a uma visão muito limitada desse conceito que, quando bem aplicado e pensado, facilita muito a vida do desenvolvedor e ajuda na qualidade de manutenção do software. Além disso, esse entendimento de OO em Python negligencia diversas ferramentas da linguagem excelentes para a escrita de um bom código utilizando OO.


 


Nesse tutorial serão apresentados os conceitos de Orientação a Objetos aplicados de maneira Pythônica além também de serem apresentados e discutidos conceitos teóricos como o acrônimo do SOLID e estratégias de testes utilizando unitários com OO.


 


Para participar você deve levar um notebook com os seguintes softwares instalados:
- Python 2.7.x
- pytest (pip install pytest)


 

Uma análise matemática do Jazz nos EUA na década de 60

O título já é bem explicativo! Pretendo mostrar como usei grafos para descobrir quais foram os músicos mais influentes da década =)