Python Nordeste 2020 - Palestras

A Python Nordeste 2020 acontecerá em Fortaleza entre os dias 17 e 19 de Julho no Centro Universitário 7 de Setembro \o/

Estamos trabalhando para fazer um evento incrível, do jetinho que a comunidade Python merece. Para isso, procuramos pessoas com diferentes backgrounds e experiências para contribuir com o programa de atividades do evento! Se você usa Python profissionalmente, como um hobby ou é apenas uma pessoa interessada em programação e comunidades open source, adoraríamos ver você compartilhando seu conhecimento conosco!

Gostaríamos que as palestras apresentadas na Python Nordeste tivessem um bom equilíbrio entre introdutórias e avançadas, por isso nós encorajamos todas as pessoas a submeterem uma proposta de atividade, independentemente do seu nível de experiência. Antes de submeter sua proposta, dê uma lida na descrição de cada atividade abaixo, bem como na sessão “Guia e Ajuda”.

Processo de Seleção

Critérios de escolha de palestras:

  • Número de palestras do mesmo assunto (maior diversidade de assunto);
  • Número de votos;
  • Número de palestras por palestrantes (maior diversidade de palestrantes);
  • Palestrantes novos.

Datas:

  • Submissão de palestras até dia 10/03/2020
  • Divulgação dos resultados a partir do dia 01/04/2020
  • Entrega dos slides até o dia 01/07/2020

Só serão aceitas palestras em Português.

Apresentações devem ser de 25 minutos, com mais 5 minutos para perguntas. Não existe uma restrição oficial acerca do tema, mas palestras sobre Python e a comunidade têm mais chances de serem selecionadas.

Uma vez que sua apresentação tenha sido selecionada, nós entraremos em contato para dar maiores detalhes do processo e prover qualquer assistência necessária. É importante salientar que as apresentações finais (os slides) devem ser entregues até 01/07/2020 para que possam ser revisadas de acordo com o Código de Conduta.

Informações importantes

  • É esperado que todas e todos os palestrantes tenham lido o Código de Conduta do evento e sigam o mesmo durante a elaboração da proposta, a apresentação e sua permanência no evento como um todo. O conteúdo dos slides e da fala dos/das palestrantes deve ser apropriado para um público profissional, incluindo pessoas de diferentes backgrounds. Imagens, texto ou falas de conotação sexual ou que discriminem pessoas por sua raça, gênero, religião, orientação sexual, aparência física, incapacidade física ou mental não serão tolerados na Python Nordeste. Caso tenha dúvidas sobre o nosso Código de Conduta, acesse: https://python.org.br/cdc/
  • Envie sua proposta o mais cedo que puder. Nenhuma proposta enviada após a data final será considerada.
  • Ao escrever sua proposta, procure seguir o seguinte template:
    • Título - É o que vai chamar a atenção dos/das participantes para assistir à sua palestra ou tutorial! Procure ser específico sobre o assunto da sua apresentação e não hesite em fazer uma graça para conquistar o público.
    • Resumo - Uma breve descrição sobre o tema da sua apresentação, de 1 a 2 parágrafos deve ser o suficiente. Seja o mais explícito possível, não precisa guardar segredo sobre a palestra.
    • Quem é o público-alvo da sua palestra? - Procure ser específico nessa parte: dizer apenas “Programadores Python” não ajuda muito. Informar o nível de experiência (iniciante, médio ou avançado) ou o tipo de conceito (pessoas, tecnologia) ou ferramenta (banco de dados SQL, desenvolvimento web, estatística, etc…)  que o participante deve ter para conseguir acompanhar sua apresentação. Isso nos ajudará a montar uma programação que tenha uma boa variedade de conteúdo para pessoas com diferentes backgrounds.
    • O que os/as participantes devem esperar da sua palestra? - É importante pensar no que os/as participantes vão aprender depois de assistirem à sua apresentação.
  • Lembre-se de considerar o espaço para perguntas no tempo total da sua apresentação. Caso não queira responder perguntas, deixe um comentário na sua proposta.
  • Como falamos antes, não existe uma restrição sobre o tema das palestras que serão apresentadas na Python Nordeste, mas se você ainda não tem um assunto definido, pode dar uma olhada na grade de programação dos eventos anteriores para ter como base.
  • Lembramos também que, neste ano, palestrantes aprovados e que confirmarem a palestra receberão ingresso gratuito para o evento.

The event is no longer accepting proposals.

Proposals

author photo

10 princípios que devemos aprender com a cultura institucional do Buffer para melhorar o cotidiano empresarial

O Buffer tem de mais de 10 anos criando um serviço de gestão de mídias sociais de sucesso. Porém esse sucesso não vem somente do seu produto. A cultura institucional faz com 84% de seus funcionários recomendem a empresa e se tornou ganhadora do prêmio “Best Places to Work” em 2018. Vamos aprender quais sãos os princípios que norteiam a empresa e como são aplicados em seu dia a dia.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

12-Factor App em Aplicações Python

Resumo
The Twelve-Factor App, ou A Aplicação Doze-Fatores, é uma metodologia criada por membros da Heroku para construir softwares como serviço (SaaS) de qualidade, seguindo 12 princípios fundamentados em boas práticas de desenvolvimento de software e experiências reais por parte dos criadores. Conforme descrito no próprio manifesto, a metodologia pode ser adotada para aplicações escritas em qualquer linguagem, e nesta palestra será apresentada em situações utilizando Python.

Público-alvo
Iniciantes em desenvolvimento de aplicações web.

O Que Esperar da Palestra
Aprender sobre a metodologia 12-Factor App em contextos do Python.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

200 OK: Construindo APIs Django REST Framework com qualidade

Muitos projetos utilizam Django como API para servir o frontend separado quando este é construído, por exemplo, em React, Vue, Angular. E, para fazer essa ponte, a ferramenta Django REST Framework é a mais popularmente utilizada só que nem sempre as facilidades que essa lib oferece são aproveitadas, como o suporte para filtragem e paginação.


A partir desse contexto, irei apresentar exemplos de como lidar com alguns casos comuns (por exemplo, nested serializers, many to many fields, related fields, filtragem, paginação, permissão, validação), comparando dois tipos de código: um que funciona mas não é otimizado e/ou não segue boas práticas e outro que, além de funcionar, se preocupa com qualidade, performance e escalabilidade


 


Público alvo

Pessoas desenvolvedoras que já tiveram contato com Django e tem interesse em API e boas práticas de código relacionadas à qualidade, performance e escalabilidade.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Abandone as apps Google com Nextcloud e Mail-in-a-box

Seja uma pessoa ou uma empresa, depender dos serviços da Google não só é caro como é potencialmente perigoso. A empresa que já teve o lema "don't be evil" hoje é uma das que mais invade nossa privacidade em troca de simples conveniência.


No entanto, projetos como Nextcloud e Mail-in-a-box oferecem soluções OSS/FOSS com uma barreira de entrada baixa - bem baixa. Esses projetos visam substituir não só o GMail como também o Google Drive, Docs, Talk/Hangouts/Duo, assim como gerenciador de senhas, Spotify, dentre outros; tudo isso com um custo relativamente baixo, gerência de usuários e permissões e praticamente tudo com o que você está acostumado.


Essa paletra pretende te deixar com conhecimento sobre como configurar seu próprio servidor de email usando Mail-in-a-box e como ter sua própria cloud com Nextcloud; e finalmente tomar pra si a responsabilidade sobre seus dados.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

A linguagem Python em Moçambique

A apresentação tem como objetivo apresentar os desafios enfrentados pelas comunidade Phyton em Moçambique, principalmente os desafios na organização de eventos em Moçambique,
metas alcançar, projetos para os próximos tempos de uma comunidade e dados sobre o Phyton na educa
ção.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Analisando Falhas de Deserialização em Python

Resumo:

Nesta palestra pretendo falar sobre vulnerabilidades de deserialização em Python. O projeto "OWASP Top 10" aborda falhas de deserialização como um dos tipos mais comuns de vulnerabilidades em aplicações web. Exemplos de códigos vulneráveis serão demonstrados para identificação e exploração de falhas de deserialização.


Público alvo:


Progamadores (nível básico e intermediário).
Profissionais e entusiastas de segurança da informação.

O que esperar da palestra?

1. Exemplos de códigos vulneráveis
2. Explicação sobre as causas de falhas de deserialização
3. Detalhes técnicos sobre como falhas de deserialização podem ser exploradas

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Análise de Dados com Pandas

Resumo
Uma das áreas de atuação de maior notoriedade no ecossistema do Python é a análise de dados, que também se faz presente em diferentes modelos de negócio, sendo utilizada, por exemplo, para prover vantagens competitivas a uma empresa. Dentre diversas ferramentas, o objeto de estudo desta palestra é a Pandas, uma das mais importantes para se trabalhar com dados em Python, possibilitando analisar e manipular dados com muita robustez.

Público-alvo
Iniciantes interessados em aprender a trabalhar com dados.

O que Esperar da Palestra
Aprender os principais recursos para analisar e manipular dados com Python e Pandas.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

APIs RESTful Escaláveis com Flask em Cenários Reais

Resumo
Flask é um dos frameworks mais populares do ecossistema Python, e por ser, na verdade, um microframework, é de fácil aprendizagem e oferece bastante flexibilidade no desenvolvimento, mas essa mesma flexibilidade pode se tornar vilã em aplicações de larga escala, como em uma arquitetura de microsserviços.

Baseado em boas práticas e cases reais de aplicações escaláveis, o objetivo desta palestra é apresentar recursos que possibilitem escalar e evitar possíveis erros ao desenvolver APIs RESTful com Flask para uso em produção, por exemplo:
- Escolha correta das extensões;
- Modularização com blueprints;
- Application factories, etc.

Público-alvo
Nível intermediário. Pessoas interessadas em desenvolvimento web, com conhecimentos básicos em HTTP, ex.: métodos de requisição (GET, POST, PUT e DELETE).

O que Esperar da Palestra
Aprender estratégias para desenvolver APIs RESTful escaláveis com Flask em circunstâncias reais, como no mercado de trabalho, projetos acadêmicos, etc.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

A privacidade morreu??

A importância atual da privacidade e como isso nos afeta diariamente e profundamente. A privacidade mudou muito nos últimos anos ditando agora o que compramos, como vivemos e até o rumo de eleições. Mas será que ela ainda existe?


O público-alvo da palestra são pessoas que gostariam de saber qual o estado atual da nossa privacidade online e como isso ainda afeta nosso cotidiano e nossa democracia.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Arrumando a casa: escrevendo código limpo e sustentável em Python

Escrever código de maneira limpa e significativa requer esforço ativo enquanto pessoa desenvolvedora em formação. É comum que no começo da carreira em desenvolvimento não se pare para pensar muito em qualidade e clareza de código, afinal, a curva de aprendizado já é bastante íngreme. Porém, na medida em que sua carreira avança, esse tópico deve ser priorizado (pelo seu bem e dos seus colegas de equipe!). Por meio dessa palestra, gostaria de apresentar conceitos gerais de qualidade de código e maneiras de escrever código de forma semântica utilizando a linguagem Python. Ilustrarei os conceitos por meio de exemplos de código e situações hipotéticas.


Público alvo


Pessoas que já desenvolvem há algum tempo e possuem familiaridade com a linguagem de programação Python, porém que não pararam muito para pensar sobre boas práticas de código.


Aprendizados



  • Participantes entrarão em contato com conceitos de qualidade de código baseados em diversas fontes de renome no quesito, como o Clean Code e o Pragmatic Programmer, além de outras fontes digitais.

  • Serão apresentados exemplos de código com espaço para melhoria e possíveis melhores abordagens.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

As vantagens da arquitetura de mensageria para serviços de Machine Learning utilizando kafka-python

Resumo


Nessa apresentação irei mostrar uma arquitetura de mensageria, explicando seus conceitos, suas vantagens e utilizando Python com Kafka (kafka-python) para exemplificar a utilização de mensageria em um serviço de machine learning para predizer classes de um certo tipo de problema na área de segurança da informação.


Quem é o público-alvo da palestra?


Essa palestra é de nível médio, pois envolve certo conhecimento na área de arquitetura de mensageria, Kafka, Python e modelos de Machine Learning já treinados com libs famosas como TensorFlow e scikit. Porém irei explicar brevemente todos esses conceitos, principalmente os de mensageria, e as tecnologias como Kafka, kafka-python entre outras.


O que os participantes devem esperar?


Os participantes devem esperar da palestra um aprendizado sobre a importância e de quando utilizar uma arquitetura de mensageria. Aprender como utilizar Kafka com Python (na palestra utilizarei kafka-python, mas também temos PyKafka) e como utilizar serviços de Machine Learning nesse processo.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Automação do trabalho, formação e contratação de pessoas na tecnologia

O avanço da tecnologia tem impactado a sociedade e os postos de trabalho. A formação de pessoas que entendam, saibam lidar e construir tecnologia é cada vez mais alta. Como chegamos a esse cenário? De que maneira estamos educando as pessoas, formentando a tecnologia e contratando? Nesta palestra iremos dialogar sobre essas questões e de que maneira podemos ser capazes de construir um futuro referenciado nas pessoas e permeado pela influência do avanço tecnológico. 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

AWS e Python: Gerenciando Serviços com boto3

Resumo
Peça fundamental na história da cloud computing, a AWS detém considerável market share no cenário mundial, oferecendo recursos para aplicações de pequeno a grande porte, como Netflix e LinkedIn. Com o intuito de facilitar a utilização da plataforma, a AWS criou o boto3, um SDK oficial para Python que permite criar, configurar e gerenciar serviços como EC2 e S3.

Público-alvo
Nível intermediário. Pessoas interessadas em cloud, com conhecimentos básicos em Python.

O que Esperar da Palestra
Conhecer alguns recursos para gerenciar serviços na AWS com o SDK boto3.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Botando os pés no mundo do Processamento de Linguagem Natural

# 01. RESUMO


Dados textuais estão de vento em polpa por aí, principalmente em redes sociais (sendo o Twitter um dos mais famosinhos e que apoia nossas pesquisas <3). Esse tipo de dado é muito importante para empresas, como para validar a opinião do público e etc. Enfim: é muito importante a gente entender a estrutura desse dado e saber o mundo de coisas que eles podem nos oferecer e como podemos brincar com ele! 


Frente a isso, o intuito dessa palestra é esclarecer e explorar os principais conceitos e palavras chaves do mundo de Processamento de Linguagem Natural (NLP), que é o ramo focado no estudo e aprendizado desses dados textuais. Além disso, também vamos explorar a estrutura desse tipo de dado e os estudos e técnicas formulados para trabalhar com eles! De quebra, vamos ver umas fontes/repositórios para pegar uns dados legais e brincar um pouco com eles! :)


# 02. PÚBLICO-ALVO


Você que ainda não conhece o mundo do NLP, você que está engatinhando no assunto, você que já possui muito domínio sobre o assunto: chega junto para gente fazer uma discussão massa e agregar conhecimento! :D


# 03. O QUE ESPERAR?


A gente vai ver nessa palestra algumas coisinhas, como:


- Conceitos fundamentais do NLP


- Onde arranjar dados?


- Como tratar o dado?


- Ok, tratei, qual o próximo passo?


- Melhores algoritmos/técnicas de aprendizagem de máquina para utilizar + métricas de avaliação do modelo


- EXTRA: Detectando Fake News em Manchetes - publicado no Simpósio Brasileiro de Bando de Dados (SBBD) 2019 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Caçando Bugs em Python com CodeQL

Resumo


   Nessa palestra, aprenderemos como você pode automatizar as buscas de falhas de segurança em bases códigos Python, seja no do seu projeto ou de dependências, usando o fantástico CodeQL.


Público-alvo


   O público-alvo da palestra são pessoas com interesse em colaborar com a segurança de aplicações open source <3.


O que esperar da palestra?


   Será apresentado a plataforma de análise de código CodeQL e como gerar consultas para detecção de bugs em bases de código Python.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Celery além do envio de e-mails

Muitos projetos, principalmente em aplicações single thread, já passaram pela necessidade de terem que paralelizar algum processamento para evitar uma grande espera por respostas. Ao escolher o Celery para resolver este problema, muitas pessoas fazem apenas a configuração básica necessária para fazer a task funcionar de forma assíncrona e quase sempre isso causa alguam dor de cabeça.


Nesta palestra, falarei sobre como organizar, testar, gerenciar e agendar tasks com Celery do jeito certo. Também mostrarei erros comuns quando se trabalha Task Queues e como evitá-los. Por fim, irei apresentar alguns tópicos avançados como criar workflows complexos com Canvas e persistent revoke.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Combatendo o desperdicio de recursos hidricos com Python  na Companhia de Aguas do Ceará  [CASE]

Nessa palestra apresentaremos como a companhia de águas tem usado Python na gestão do ativo mais importante : a agua. Projetos de inteligencia artificial para redução do Índice de Perdas através de acoes relacionadas a gestão inteligente de medidores ineficientes, identificação de fraudes nas redes dentre ouras ações.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Como começar a programar sem ter background em TI e ainda começar a criar um portfólio de projetos em Python

Resumo


Como alguém com diploma de graduação na área de saúde, nesta palestra minha intenção é mostrar como programar não é algo de outro mundo nem é algo restrito a quem cursa ou cursou algum curso superior em TI tais como Ciências da Computação, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia de Computação, etc. 


Irei relatar um pouco da minha caminhada inicial aprendendo a programar em Python, das minhas dúvidas (tais como "tou velho pra começar a programar?", "sem ter diploma na área eu vou ter sucesso?", "preciso fazer faculdade?", etc) e dificuldades, de como transformei tais dúvidas em soluções que facilitaram o meu trabalho e o de outras pessoas no meu ambiente profissional, otimizando tarefas repetitivas, e como, em paralelo, usei essa evolução nos estudos para aprender Git e começar a criar um portfólio open source das minhas soluções (evoluindo as soluções pouco a pouco), visando entrar no mercado de trabalho de desenvolvimento.


Público-alvo


O público-alvo da palestra são programadores iniciantes, pessoas que têm interesse em iniciar a programar mas que não deram o pontapé inicial e pessoas vindas de outras áreas que não sejam a área de tecnologia. Portanto, não precisa ter conhecimento nem de Python básico para acompanhar a palestra. O foco da palestra são os iniciantes. Vai ter um pouco de código mas só demonstrativo e que nem é o foco principal da palestra.


O que esperar da palestra?


A intenção é repassar confiança pra quem quer iniciar nesse mundo maravilhoso que é o de programação e de tecnologia em geral e derrubar algumas muletas psicológicas que muitas pessoas têm nesse início de carreira. 


 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Como comecei com Python.

 



  • Resumo:


 Falarei um pouco de minha curta, mas feliz, trajetória com Python:



  • das dificuldades que enfrentei;

  • projetos livres que contribui no período do Hacktoberfest 2019;

  • sobre essa grande comunidade muito acolhedora;

  • das experiências que tive em eventos que participei como a Python Brasil 2018 e a Campus Party Natal 2.


Ao final, responderei o porquê você deveria investir, estudar e se aprofundar em Python.



  • Quem é o público-alvo da sua palestra:


O público alvo de minha palestra são curiosos do mundo da programação e estudantes iniciantes na área, mas que enfrentam o medo de se arrepender depois ou de não conseguir conquistar seus objetivos futuros por presença de dificuldades ou frustrações.



  • O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?


Devem esperar um conteúdo de incentivo, aprendizado e principalmente, um conteúdo que possam ajudá-los a se empenhar mais no início de seus estudos com a linguagem Python que está e estará presente em sua caminha com a carreira de TI.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Como Criar Sua Biblioteca Em Python

Descrição


Essa palestra é para você que escreve classes enormes e várias funções "úteis" no seu código e usa em todo o projeto. Com conhecimento básico de git e um breve entendimento sobre o PyPi é possível fazer o upload de seus algoritmos e tranformá-los em uma biblioteca.


A ideia é mostrar o passo a passo nos slides de como criar os packages do código e transformá-los em uma biblioteca de criptografia simples, e logo em seguida mostrar o uso da mesma, que fiz a um tempo atrás.


Acredito ser um tipo de conhecimento útil para programadores iniciantes e veteranos... aliás, quem não quer reduzir seu código fonte em prol de um melhor desempenho?


 


 


 


 


 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Como ganhar dinheiro com software livre: Conhecendo Modelos de Negócios Bem Sucedidos

 Várias empresas que optaram pelo liberar seu software como livre são bem sucedidas. O software livre não é só uma questão de filosofia. É uma questão de negócios. Vários modelos empresariais de sucesso mundial fizeram uma escolha pela liberdade do software e estão colhendo ótimos resultados.
    
O público-alvo dessa palestra são pessoas interessadas em conhecer uma maneira de unir o bem-estar social com o desenvolvimento de uma empresa.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Como meu time de qualidade deixou de ser apenas um executor de testes manuais para ser uma referência em automação de testes para Android utilizando Python?

Resumo:


Meu time de testes começou com 4 pessoas (sendo 2 estagiários) e com 100% das demandas para execuções de testes manuais de forma prioritária. Nosso projeto tem como cliente uma grande multinacional de dispositivos móveis cuja plataforma é Android. Após pouco mais de 2 anos, meu time cresceu (recebeu maior alocação de pessoas), criou um ambiente de automação de testes baseado no framework de código aberto PyTest, ganhou espaço com o cliente para igualar a priorização de atividades manuais junto com as automatizadas e vem sendo utilizado como modelo de referência para outros times de automação do mesmo cliente - em institutos diferentes.


 


Essa palestra tem como objetivo apresentar as etapas do processo de adoção e experimentação de frameworks, padrões, e práticas de desenvolvimento de software durante a concepção de um ambiente em Python para automação de testes para Android. Além disso, pretende-se também apresentar os próximos passos planejados e como pretendemos chegar lá.


 


Público-alvo:


Profissionais da área de teste de software que já trabalham com automação ou que querem saber mais sobre o assunto; pessoas que desenvolvem aplicações móveis; pessoas que tem grande interesse em conhecer como funciona o contexto de teste de software. Não precisa ter conhecimento prévio específico de Python; este conteúdo é recomendado para qualquer nível de experiência com Python.


 


O que devem esperar:


Um estudo de caso com um modelo validado de como foi concebido o processo de adoção de um ambiente de automação do zero tendo como base o framework de testes Pytest; e como dar alguns passos iniciais para a criação de um ambiente de automação de teste de software utilizando Python.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Como trazer design pra dentro do processo de desenvolvimento de software

 Resumo


Incluir ciclos de design no processo de desenvolvimento de software é mais complexo do que “colocar uma UX” ou “dar um tapa no visual” depois que o código está pronto. Nesta palestra, conto sobre minha experiência como UX designer entrando num time de desenvolvedores. Vou falar sobre os desafios encontrados, os atritos e dificuldades de comunicação, as adaptações no fluxo de trabalho, e o impacto dessa mudança na qualidade dos produtos que entregamos. Apresento também as estratégias que nosso time encontrou para trabalhar melhor em conjunto, desde a inclusão do líder técnico nas decisões de design, passando pela priorização de tarefas a partir de estudos de impacto x esforço, e por fim as ferramentas e técnicas que usamos para reduzir ruídos de comunicação dentro do time e trabalhar melhor em conjunto. 


Público-alvo


Desenvolvedores web de todos os níveis, que trabalham (ou querem trabalhar) em conjunto com product designers. Não é necessário nenhum conhecimento técnico. Acredito que a palestra será interessante para líderes de times ágeis, gerentes de projeto, product owners e, é claro, designers.


O que esperar: 


Nesta palestra, o público vai entender os desafios e as vantagens de trabalhar num time híbrido (desenvolvedores + designers) com práticas ágeis, a partir do ponto de vista e experiências de uma designer.


Extra: 


Blog post que escrevi sobre colaboração entre designers e desenvolvedores: https://www.vinta.com.br/blog/2019/designers-and-developers-solving-friction-build-better-products/

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Como utilizar PyPI e o Travis CI para compartilhar os meus pacotes Python com o mundo

# RESUMO 


Se você trabalha com python, provavelmente já utilizou o comando "pip install" para instalar algum pacote. Muitos dos pacotes instalados através do pip são instalados a partir do Python Package Index também conhecido como PyPI.  Ele é um dos mais importantes e maiores repositório de software para a linguagem de programação Python, através dele é possível encontrar e instalar softwares desenvolvidos e compartilhados pela comunidade Python. OTravis Ci é um serviço web de Integração Contínua na nuvem integrado com o GitHub, que nos ajuda a fazer o deploy de pacotes python para o PyPI de forma fácil e automatizada.


Se você quer que mais pessoas conheçam e utilizem os seus pacotes python, um passo importante é disponibiliza-lo no PyPI e assistir essa palesta. Ela tem como objectivo ensinar você a fazer upload de pacotes para o PyPI, apresentar o Travis CI e ensinar como utiliza-lo para automatizar o deploy de seus pacotes. 


 


# PÚBLICO-ALVO


Pessoas que tem interesse pela linguagem python, que já desenvolvem ou pensam em desenvolver software nesta linguagem e futuramente disponibiliza-los para a comunidade.


 


# O QUE ESPERAR?


- Como fazer o upload de um pacote no PyPI;


- O que o Travis CI pode oferecer.


- Como utilizar o Travis CI para realizar o deploy dos meus pacotes.


- Breve apresentação de outras funcionalidades oferecidas pelo Travis CI (como a realização de testes automatizados)


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Conhecendo a Mozilla e como ela contribui para uma internet aberta e livre

 A Mozilla é a fundação responsável pelo navegador Firefox, um divisor de águas da web. Ela também é uma fundação sem fins lucrativos criada a mais de 20 anos e movida por voluntários com o objetivo de fazer uma internet para as pessoas e não para o lucro. Isso gera inúmeras iniciativas sobre mulheres na TI, lutra contra notícias falsas, pesquisas avançadas em diversas áreas como sistemas operacionais, programação e web. Assim essa apresentação visa mostrar quem é a Mozilla e quais são seus projetos atuais e como todos podem ajudar a essa importante fundação.
    
O público-alvo dessa palestra são pessoas que queiram conhecer mais a fundação Mozilla e como podem contribuir com várias causas nobres.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Conhecendo melhor o Python Debugger (pdb)

Dominando o pdb e suas variações


Essa palestra tem como objetivo mostrar recursos básicos e alguns mais avançados para fazer debug de projetos Python.
Os tópicos que seram discutidos são:


Não use o `print()` para debuggar.


Break condicionais


A função display


Recuperando o stack trace pos-mortem


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Construindo pipelines com Airflow

Resumo


O Apache Airflow é uma plataforma open-source utilizada para criar, agendar e monitorar pipelines. Ele é utilizado por grandes empresas como Instagram, Lyft e Airbnb (seu idealizador) para execução e monitoramento de aplicações que envolvam grande processamento de dados, como em projetos de aprendizagem de máquina.


O Airflow utiliza o conceito de DAGs (grafos acíclicos direcionados) para descrever uma lista de tarefas. De forma básica, se coloca uma lista de tarefas sequencial, mas oportunidades de paralelismo também podem ser especificadas na descrição das tarefas. O fluxo de tarefas, por sua vez, é escrito em Python e as tarefas em si são representados por Operators, que podem variar de comandos Bash simples, enviar notificações, realizar uma consulta a um Banco de Dados, ou até executar um container Docker.


A grande vantagem do Airflow é que existem diversos tipos de operadores pré-definidos, agilizando assim o processo de desenvolvimento. Conta ainda com uma interface gráfica para monitorar a execução de tarefas, sendo um grande diferencial em relação a outras soluções.


Nesta palestra, aprenderemos a construir e executar um pipeline simples utilizando o Airflow e seus vários operators, assim como a utilizar a interface gráfica embutida para monitorar a execução das tarefas.


 


Público alvo


Pessoas com experiência intermediária em Python que possuem interesse em executar pipelines complexos de tarefas da mesma forma que grandes empresas fazem.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Consumindo API com python e salvando em um banco de dados

RESUMO


Ao criar um sistema com Banco de Dados, e precisa de um banco preenchido com alguns dados antes da aplicação ficar no ar realmente, e tendo esses dados disponibilizado em alguma api, podemos consumir esta api e preencher nosso banco de dados, gastando menos tempo e tempo == dinheiro $.


Na palestra será apresentado o que é uma api, o básico sobre os verbos HTTP(get, post, put, delete), sobre Banco de Dados, e a lib request.


PÚBLICO-ALVO


Todos amantes de python e deseja aprender sobre consumir uma api e mexer com banco de dados com o python.


O QUE ESPERAR?


Ao final da palestra desejo que todos os participantes saibam usar a lib requests e usar o banco de dados com python. Caso não seja feito estarei a disposição de todos fora da palestra.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Criando marketing pessoal no virtual e no real

   No mundo competitivo de hoje é importante se destacar. Mas como fazer isso? Existem plataformas virtuais, técnicas e atitudes que podem ser usadas para se evidenciar.
    
    O público-alvo dessa palestra são pessoas interessadas em aprender novas maneiras de se evidenciar.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Crie sua própria rede de vigilância de baixo custo com Python e Raspberry Pi

Resumo
Nossos smartphones buscam constantemente por sinais de Wi-Fi e isso os transforma em "faróis" que sinalizam quem somos e onde estamos a todo o momento. Com isso, é possível coletar dados em larga escala e criar um mapa de como as pessoas se movem pelo espaço usando apenas Software Livre e alguns Raspberry Pis.


Nesta sessão, vou mostrar quais dados são vazados e como criar um mapa com eles. Todo o processo, incluindo o código usado, já está disponível publicamente no seguinte repostório: github.com/laurybueno/why-fi


Esse tipo de coleta já é uma realidade em vários lugares do mundo, como no metrô de Londres, onde passageiros já têm todos os seus movimentos rastreados sem darem consentimento explícito para a prática. Para confrontarmos isso, é preciso primeiro entender como esse trabalho é simples, e, portanto, potencialmente muito comum no futuro próximo.



Quem é o público-alvo da sua palestra?
Interessados em segurança da informação e ferramentas Python relacionadas a Wi-Fi são as pessoas que mais se beneficiarão do conteúdo. Na apresentação, vou demonstrar como os dados são capturados e tratados, então pelo menos conhecimentos básicos de Python são necessários.



O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?
Os resultados mais importantes serão:
- entender na prática como organizações grandes e pequenas podem nos rastrear usando apenas Wi-Fi e dispensando qualquer consentimento
- aprender como funcionam algumas das ferramentas que tornam esse tipo de vigilância possível

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Débito Técnico: Porque isso vai estragar teu software

Descrição:
Estamos acostumados a pensar que o Débito Técnico é apenas código ruim criado por pessoas imprudentes, mas com essa palestra eu gostaria de propor uma visão mais ampla do que realmente podemos chamar de Débito Técnico em uma era de Software Sustentável.


A ideia para essa palestra veio depois que entrei em alguns projetos em andamento e comecei a perceber muitos padrões e sinais de alerta entre as fases de desenvolvimento e entrega do produto. Esses problemas costumam ser chamados Débito Técnico e percebi o custo que eles tinham no produto final. A "sanidade" do código final é um reflexo das dificuldades da equipe durante o desenvolvimento, bem como das estruturas, processos e relacionamentos de toda a empresa. As falhas de um produto cheio de Débito não depende apenas dos desenvolvedores.


É por isso que vou discutir como podemos identificar os gargalos que estão gerando cada vez mais débito e como lidar com eles. E, no final, poderemos discutir alguns dos problemas mais comuns de saúde mental associados a essa Dívida Técnica, por exemplo: Como lidar com códigos ruins por um longo tempo pode atrofiar suas habilidades técnicas.



Público esperado:
Débito Técnico é um tópico super importante no desenvolvimento de software. Atualmente, muitas das nossas lutas diárias em lidar com a criação de software e o gerenciamento de equipes estão atrelados a essa discussão. Meu principal objetivo com esta palestra é explorar diferentes níveis do conceito de Débito Técnico, cada um deles poderia interessar a uma boa variedade de pessoas.


O público principal pode ser pessoas que estão constantemente lidando e sendo afetadas pelos processos de desenvolvimento de software e suas iterações.



Estrutura:
- Torre de Pisa e a dívida técnica
- Quem sou eu?
- Chico, the Purrgramer
    * Rotina de uma pessoa desenvolvedora comum
    * Explicando o conceito de Débito Técnico
- Relacionando os problemas da Torre de Pisa com os nossos
- Débito Técnico é uma coisa ruim?
    * Débito como uma decisão economica
    * Martin Fowler e o Quadrante de Débito Técnico
- De quem é a culpa?
    * Software é o resultado da empresa inteira
    * Distâncias entre times
    * Nossas más decisões contam
- Como lidamos com isso?
    * Soluções não tão boas que costumamos utilizar
    * Board de Débito e porque isso é uma coisa ruim
- Soluções viáveis
    * Processo de I.M.P.A.C.T
    * Princípio de Pareto
    * Reuniões de Post-mortem
- É lucrativo?
    * Comparação entre pensar ou não em design
    * Custo de código ruim
- Ward Cunningham
    * A metáfora do Débito Técnico
    * O que Ward realmente quis dizer
- Além de apenas lucro
    * Atrofia das habilidades técnicas
    * Ansiedade e depressão
    * Startups e o mito de crescimento enorme em pouco tempo
- Torre de Pisa é estável novamente
    * Technical Debt Awesome List e Referências

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Debugando o PUG-PE

O grupo de usuários de Python em PE ou carinhosamente PUG-PE vive sua vida sempre confundido com a raça de cachorro, mas mesmo assim nunca desistiu de passar a palavra do Python em diante. Teve sua vida iniciada dentro de uma lista de discussões em 2007 e em 2010 seu primeiro encontro ocorreu \o/

Estamos em 2020 e o PUG-PE tem quase 13 anos e mais de 60 encontros realizados. E o mais importante ele tem muita historia para contar, já tropeçou e levantou diversas vezes e mesmo assim nunca desistiu. Pensando nisso e também na importância dos grupos regionais de Python, queremos compartilhar nossa experiência com vocês <3 mostrar nosso fluxo de organização, nossa distribuição de tarefas e assim poder incentivar que novos grupos surjam ou resurjam ao longo do nosso nordeste.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Decifra-me ou devoro-te! - Documentação com Sphinx

Documentação é algo que todos gostam de ler, mas quase ninguém gosta de fazer. Se ela é tão importante, por que não investir um tempinho para ajudar os futuros mantenedores do código? Seja essa pessoa alguém que acabou de entrar no projeto ou (pasme!) você mesmo(a).

Sphinx é um gerador de documentação. Ele é fácil de ser usado, já que reconhece docstrings.

Nessa palestra vamos decifrar juntos a Esfinge da documentação e torcer para não sermos devorados.


Público-alvo: pessoas que já têm certo envolvimento com programação em Python

O que esperar da palestra:

1. Entender a importância da documentação

2. Saber o essencial de como se usa a ferramenta

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Desenvolvendo Chatbots Altamente Escaláveis em uma Arquitetura de Microsserviços e apoio do UNICEF

Ao trabalhar com chatbots, percebemos um problema bastante comum: eles nem sempre conseguem entender o que os usuários desejam. Para solucionar essa barreira, foi criada uma plataforma “pra lá” de inteligente, capaz de entender diversos idiomas (até mesmo dialetos) e tornar seu uso totalmente democrático.


O Bothub caminha para ser o maior e melhor sistema aberto de processamento de linguagem natural do mundo! Foi apostando nisso que o Fundo de Inovação do UNICEF selecionou o projeto para financiar não apenas um software, mas um novo conceito de Inteligência Artificial Multilingual.


Para alcançar o objetivo de ser um sistema de NLP global, colaborativo e open source, foi preciso ampliar o número de idiomas suportados na plataforma. Um dos principais desafios é justamente este: treinar novos idiomas facilmente. Afinal, nem todo mundo fala inglês e a missão do Bothub é tornar a tecnologia de linguagem natural acessível a todos. 


A construção foi alicerçada por uma arquitetura de microsserviços. Foram utilizados inúmeros recursos e linguagens de programação, como Python, Django, NLP e Docker. 


O propósito da palestra é apresentar as tecnologias usadas e como implementar seus chatbots através desse sistema promissor.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Desenvolvendo um Telegram Bot para controle de gastos pessoais

Resumo


Depois de muita frustração buscando aplicativos para controles de gastos, eu percebi que sempre acabava simplesmente me enviando mensagens no Telegram com o valor gasto. E se conseguíssemos fazer um simples bot para nos auxiliar na gestão dos nossos gastos?


Durante o tutorial vamos desenvolver um bot que salva seu gasto e a categoria dele através de uma mensagem enviada para o bot (Telegram). Além disso, o bot pode fornecer simples relatórios dos gastos (por dia, semana ou mês).


Vamos utilizar o wrapper python-telegram-bot (https://github.com/python-telegram-bot/python-telegram-bot) e uma simples aplicação Django para receber requisições e armazenar no banco de dados. O foco não é em Django/Web Development, sendo possível utilizar qualquer outra framework para a comunicação com o bot.
Ao final do tutorial, os participantes devem ser capazes de desenvolver bots com facilidade para auxiliar nas tarefas do dia-a-dia, ou até expandir o bot criado durante o tutorial.


Exemplo de "conversa" com o bot


Me: 30 Almoço
Bot: Adicionado gasto de R$ 30,00 na categoria "Almoço".

Me: 20 Almoço
Bot: Adicionado gasto de R$ 20,00 na categoria "Almoço".

Me: 20 Presentes
Bot: Adicionado gasto de R$ 20,00 na categoria "Presentes".

Me: /report month 2
Bot: Aqui está o relatório de gastos do mês de Fevereiro:
Almoço: R$ 50,00
Presentes: R$ 20,00

Público-alvo


Esse tutorial é voltado para todos os tipos de audiência que tenham um mínimo de contato com alguma linguagem de programação, web framework e banco de dados. Não são necessários conhecimentos prévios sobre o funcionamento do bot do Telegram nem conhecimentos aprofundados em nenhuma área de ciência da computação.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Desmistificando a criação de Bots que utilizam Visão Computacional para automação de tarefas em jogos com Python e OpenCV

 


Resumo


Atividades repetitivas são realidade em nosso cotidiano, desde processos simples como selecionar vestimenta, até atividades mais complexas, como dirigir. No âmbito da diversão, especificamente jogos digitais, também estamos destinados a realizar atividades repetitivas, como coletar itens, utilizar magias mediante determinadas situações, vender itens, dentre outros aspectos.


Entretanto, áreas da computação vêm evoluindo e tendem a fornecer meios para automatizarmos atividades nas nossas vidas, dentre as quais podemos destacar a visão computacional. Para tal, a presente palestra visa demonstrar como é o processo de criação de bots feitos com base em análise de imagens (utilizando Python e Opencv), citando bibliotecas que irão proporcionar seu funcionamento (tal como simular a ação do usuário ao computador), e sobretudo demonstrar como tal conhecimento pode ser utilizado tanto para fins recreativos (como jogos) como para necessidades da vida (acessibilidade, atividades cotidianas, marketing), desmistificando-o e visando despertar o interesse na área de Visão Computacional nos ouvintes.


Público-Alvo


Programadores Python desde nível iniciante até avançado com interesse nas áreas de: Programação, Automação de Tarefas, Visão Computacional, Opencv, Jogos. Visto que a apresentação visa ser uma introdução, objetivando estimular o estudo na área, razão porque pessoas de todos os níveis de programação podem frequentar, inclusive com conhecimento em outras linguagens, uma vez que os algoritmos podem ser reproduzidos em diferentes linguagens de programação.  Ressalta-se ainda que pessoas que possuam pouco conhecimento em programação, mas se interessam na temática de jogos e tecnologia, poderão aproveitar, uma vez que conceitos introdutórios serão citados, e códigos/algoritmos serão sempre exemplificados com imagens (de jogos).


Afinal, o que esperar da palestra


Ao final da palestra, pretende-se que os participantes saiam com uma base, consistente em: o que é Visão Computacional; como é feita a análise de imagens utilizando Python e OpenCV na criação de Bots e como esses conhecimentos podem ser aplicados ao cotidiano; bibliotecas em Python que possibilitam simular a ação do usuário ao computador; estimular o aprendizado na área de Visão Computacional;

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Detecção de objetos com Python e Tensorflow

Resumo


Dada uma imagem ou um vídeo, um modelo de detecção de objetos é capaz de identificar quais objetos podem estar presentes e fornecer informações sobre suas posições na imagem/vídeo. O objetivo desta palestra é fornecer um pequeno tutorial para a utilização da API de detecção de objetos do Tensorflow com Python, além de apresentar os conceitos básicos que serão necessários para a compreensão deste processo.


O que esperar


Aprenderemos como utilizar a API de detecção de objetos do Tensorflow, uma biblioteca utilizada para aprendizagem de máquina, computação numérica, entre outras finalidades. Por exemplo, podemos criar um modelo que aprenda a diferenciar gatos de cachorros em imagens. <3 


Público alvo


Programadores Python de todos os níveis, entusiastas de machine learning.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Devops com openshift

Boa parte da responsabilidade da cultura Devops é automatizar e documentar a infraestrutura do software. Nesta palestra abordarei processos de build e implatação de aplicações. Vamos ver como ferramentas Docker, Kubernetes e Openshift podem mudar o jogo e garantir processos melhores para a integração e entrega dos nossos softwares. De quebra veremos os impactos para os desenvolvedores ao entrar nesse maravilhoso mundo novo.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Django além do MVC

Nessa palestra você vai aprender como organizar o seu projeto Django para além dos Models, Views e Templates. O que eu vou te mostrar vai te ajudar a aumentar a capacidade do seu software sem entupir ele de código. Essa é uma habilidade essencial para quem trabalha com grandes sistemas e quer deixar de sofrer para entregar os projetos no prazo e com qualidade.

Existe uma grande diferença entre fazer um sistema em Django e estender o Django para se tornar o seu sistema. O maior desafio para implementar sistemas que crescem com qualidade é não dominar as entrelinhas do Framework.

E é por isso que você precisa desenvolver a capacidade de inserir funcionalidades sem explordir a quantidade de código. Esses são os pontos que você precisa dominar:

1. Entenda a relação invisível entre as partes do Django.
2. Aprenda a reduzir a repetição em todas as camadas do seu projeto.
3. Descubra como identificar e desviar dos atalhos que vão lhe custar mais caro depois.

E é exatamente isso que vou compartilhar na palestra Django além do Model-View-Controller.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Django + React: como, onde e quando

Lidar com uma stack Django + React não é uma tarefa simples. Aqui na Labcodes, passamos um bom tempo pensando em como, quando e onde devemos usar essa stack que é cada vez mais comum no mercado.


Nessa palestra, pretendo discutir:
- como encaixar o React numa aplicação Django usando django-webpack-loader;
- como carregar múltiplas aplicações React em páginas diferentes;
- como mantemos a base de código fácil de manter;
- quando decidimos não usar React;
- onde deixar cada parte do código para melhorar a experiência de desenvolvimento.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

DockerPy - Gerenciando Contêineres Docker com Python

Não é novidade que os conteires estão tomando conta do mundo tech, esta atividade tem como objetivo apresentar uma forma de gerenciar contêineres Docker com Python.
Durante o desenvolvimento do meu trabalho de conclusão de curso, deparei-me com a necessidade de manipular tais contêineres a partir da minha aplicação Python a fim de obter resultados sobre algorítimos, que são executados dentro dos contêineres.


E como tudo que é bom a gente compartilha, estou aqui para compartilhar a minha solução com vocês!

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Domando a irreversibilidade com Feature Flags

Resumo


Faz 10 anos desde que o time de desenvolvimento do Flickr documentou o uso de feature flags no software deles. Gigantes da tecnologia como Google e Facebook também já afirmaram usar, mas ainda assim parece que poucos times estão se beneficiando dessa ferramenta.


Feature Flags tornam possível ativar e desativar funcionalidades sem a necessidade de mexer em código. Isso pode, não só ajudar time a melhorar o tempo de resposta em desastres, como também trazer paz de espírito aos desenvolvedores. Há também muitos benefícios em relação a frequência em que o código central é atualizado e ao fluxo de lançar novas funcionalidades, especialmente em aplicações com um grande número de usuários.


Junto com essas benesses, feature flags também adicionam algumas novas preocupações: existem muitas estratégias de implementação e inúmeras novos pontos de falha que podem surgir caso não sejam implementadas da melhor maneira. Desde as ferramentas usadas para armazenar as flag até os padrões de software para garantir a manutenção da consistência na sua aplicação independente dos valores das flags.


 


Público-alvo


Para entender o conteúdo completo da palestra, os participantes devem ter conhecimento do Git SCM e de Python básico. O público-alvo são desenvolvedores interessados no processo de desenvolvimento de software, desenvolvedores que trabalham em software em produção e desejam uma maneira mais segura de criar novas funcionalidades, e aqueles que já estão usando Feature Flags, mas não têm confiança no seu processo atual.


 


O Que Esperar da Palestra


Essa talk foca nos benefícios e desafios que podem ser encontrados ao usar Feature Flags e como extrair o melhor dessa técnica sem perder de vista a qualidade do seu código.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Do tastypie ao serverless em 25 minutos!

Caso real da evolução de um serviço de uma empresa, falando desde a evolução tecnológica até sobre os processos internos, custos e operacional


Relatando toda a evolução ao longo dos anos, desde o início dos tempos(rs) até chegar a uma estrutura auto-gerenciável e serverless AWS


#python #api #microserviços #serverless #aws #tastypie #restless

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Driblando Redes Neurais: uma introdução a Adversarial Machine Learning

Inteligência artificial tem se tornado cada vez mais presente em nosso dia a dia, inclusive em coisas críticas, como reconhecimento facial e, até mesmo, os primeiros projetos de carros autônomos.  Porém, muitas redes neurais podem ser enganadas, causando um erro de classificação, onde, dependendo da aplicação, os resultados são bastante graves, mas comumente negligenciados. Garantir o funcionamento correto de redes neurais, não é um problema trivial. Nessa palestra veremos como funcionam, de forma básica, redes neurais, como esses ataques funcionam e o que podemos fazer para prevenir comportamentos inesperados.


 


Público-alvo:


Pessoas que possuem alguma familiaridade com inteligência artificial, ou querem entender os prós e contras da utilização de redes neurais e aprendizagem de máquina.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Dummy, Stub, Spy, Fake e Mock? Dublês de Testes? O que é isso?

Esta palestra é para os programadores, de Python ou qualquer outra linguagem, que já tem alguma familiaridade com testes. Mas mesmo que você tiver zero experiência com testes, venha que não será tão difícil de acompanhar!


Nesta palestra, você conhecerá:


- o que são os dublês de testes


- para que servem


- quando usá-los


- como implementá-los usando unittest.mock.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Enquanto o #openbanking não vem, como libertar seus dados usando Python!

O tão falado Open Banking ainda não é uma realidade no Brasil. Todos os dados gerados por nós, e de nosso total direito, são mantidos reféns dentro de bancos e grandes corporações. Sem chance de escapar, somos vítimas de aplicações mal construídas, sistemas estupidamente legados e carecemos de diversidade de soluções bancárias que podem auxiliar desde a educação financeira básica até metodologias para investidores de longo prazo.


Nesta palestra, irei explicar o que é Open Banking e sua importância, além de demonstrar como libertei dados contidos na B3 (Bolsa de Valores) ao criar um Scraper utilizando Python e a biblioteca Requests.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Entendendo o RegEx do StackOverflow antes de colar no projeto

O RegEx (Regular Expressions ou simplesmente Expressões Regulares) no Python é uma ferramenta muito poderosa de processamento, busca e validação de strings, porém a sua sintaxe é muito complicada, e então acabamos ficando na tentação de copiar e colar soluções prontas da internet ao invés de fazermos a nossa, mas isso pode ser muito perigoso!.


Vou desmistificar a sintaxe sinistra do RegEx e apresentar alguns conceitos fundamentais para que você esteja preparado na próxima vez que tiver de lidar com esse mostrinho.


A partir disso espera-se que você possa fazer reajustes em RegExes já prontos e arriscar criar o seu próprio. Saiba essa ferramenta para salvar o time do sufoco.


Depois da palestra espero que todos se sintam familiarizados e seguros em usar a ferramenta.


O público alvo vai do iniciante até o avançado, pois pessoas de diversos níveis desconhecem essa ferramenta, mesmo ela sendo parte dos módulos oficiais do Python há bastante tempo.


Os casos de uso do RegEx são muito variados, exemplos de casos de uso que já presenciei são:
Validação de dados e entrada de usuário (datas, CPFs, e-mails...),
Filtro de dados de tabelas CSV após organização do Pandas,
Tratamento de texto para preparação de treino de aprendizado de máquina,
Busca performática de qualquer padrão em um arquivo.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Exportando mais de 3 milhões de imóveis para o mundo por dia no Grupo ZAP com Python

Nessa palestra irei abordar o case do Grupo ZAP, que tinhamos o desafio de exportar mais de 3 milhões de imóveis por dia de maneira resiliente e escalável para os parceiros. Irei abordar as decisões técnicas, como e porque utilizamos Python 3.7 com dataclasses, como usamos Kafka na solução e erros e acertos. Irei abordar também a arquitetura da aplicação e como ela se encaixa no universo orientado a eventos do Grupo ZAP.


 


Público alvo?


Nível de experiência - Médio/Avançado


Desenvolvedores, SRES e Arquitetos.


Tecnologias: Kafka, Python, Kubernetes e Docker.


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Fighting DeepFake com Python

A Inteligência artificial está sendo uma ferramenta para criar montagem com famosos e políticos, substituindo rostos e vozes em vídeos realistas; novidade traz preocupações éticas. Em 2014, como resultado do desenvolvimento da inteligência artificial, foi criado o sistema de aprendizado de máquina - Rede Adversarial Generativa (GAN), que posteriormente lançou as bases para o DeepFake. Permite aplicar o movimento da cabeça de outros indivíduos, expressão facial, movimento e até piscar de olhos. O foco principal dessa palestra é abordar o tema de DeepFake juntamente com técnicas de como identificar se um vídeo ou uma imagem é fake.







Então tá afim de conhecer mais um pouco de como funciona e como conseguimos identificar? vota ai no tema:) 






 

 

 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Firefox, o melhor navegador para desenvolvimento web!

Se você não está usando o firefox para seu desenvolvimento web, então está fazendo errado. Venha entender por que você deveria deixar qualquer outro navegador de lado e vim para o lado bom da força. Conheça todas a vantagens dessa mudanças ou as ferramentas que você não conhecia se já usa ele.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Flask Extension 101: Entendendo e criando sua primeira extensão

Apesar de ser um microframework, o Flask pode ser tão poderoso quanto outros com tudo incluso (ou até mais!). O que facilita bastante a vida dos desenvolvedores é a utilização de extensões (extensions) que são criadas pela própria comunidade. O objetivo dessa palestra é mostrar o quão pratico pode ser a criação de uma extensão para facilitar o desenvolvimento de API's REST.

Falaremos um pouco sobre a estrutura de uma aplicação Flask, então é recomendado um entendimento básico sobre o framework, mas caso não possua, não se preocupe, você vai entender também.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Fortalecimento e expansão de uma comunidade Python a partir da tradução do Livro "Python for Everybody" para o Português

A programação sempre fez parte dos conceitos fundamentais da Engenharia Elétrica. Atualmente, a linguagem de programação Python vem ganhando cada vez mais importância em nas atividades técnicas realizadas no Capítulo Estudantil IEEE RAS UFCG, que dedica-se ao estudo de Robótica e Automação. Apesar de ser bastante utilizada nas mais diversas áreas de atuação de um engenheiro, a linguagem não faz parte da grade curricular do curso de Engenharia Elétrica da UFCG.

A palestra relata a trajetória de expansão da comunidade a partir da tradução do livro "Python for Everybody", de Charles Severance. A obra é open-source, entretanto não estava disponível em português. Como forma de democratizar o acesso ao conteúdo e ao mesmo tempo introduzir os conceitos da linguagem aos voluntários foi criado o projeto Python Translate. Os tradutores aprendiam a linguagem Python, solidificavam inglês técnico e, posteriormente, ministram cursos destinados à comunidade.


A palestra tratará de estratégias de aumento de uma comunidade que não possui contato formal/acadêmico com Python e pode ser acompanhada por qualquer nível de experiência. 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

FoxDot: fazendo a pista dançar com Python

- Oi, prazer em conhecê-la, você faz o que da vida?
- Sou musicista.
- É? Que massa! E o que você toca?
- Python ;)


Esse diálogo é real e essa pessoa respondendo é você depois dessa palestra.


FoxDot é uma biblioteca em Python feita por Ryan Kirkbride para fazer música com código. E é maravilhosa. Ela vem com vários sintetizadores, samples e efeitos pra fazer qualquer tipo de música/barulho. Cada linha é um instrumento novo, onde você passa o sintetizador que quer usar e a lista das notas que serão tocadas. Só que você não precisa nem saber qual sintetizador usar, porque você pode simplesmente testar todos, e nem as notas, porque você pode usar conceitos de teoria musical como escalas e campo harmônico. Estes conceitos já estão implementados no FoxDot e eu vou explicar durante a palestra =) Juro que é simples.


Algorave é uma festa onde as pessoas dançam música feita por código, ao vivo, com o código sendo projetado pra todo mundo. É real. Acontece no mundo inteiro. No Brasil essa cena tá começando, tiveram algumas Algoraves ano passado e esse ano.
Programação é uma habilidade incrível. Além de pagar as nossas contas e deixar os ricos mais ricos, podemos fazer arte. Para nós e para os outros. Vamos fazer uma Algorave em Fortaleza? =)

Essa palestra vai ser uma continuação da que dei na Python Nordeste ano passado em Recife. Um ano se passou, muita coisa eu aprendi. Não precisa saber nada de música pra entender. Vai ter muito som. It might get loud.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Gerencie dependências, empacote e publique na PyPi com Poetry

Resumo


Poetry é uma ferramenta fácil e poderosa para controlar dependências, realizar o empacotamento e publicar na PyPI. Nesta palestra será apresentado o uso básico para implementação em um projeto real.


Público Alvo


Apesar da palestra se limitar ao uso básico do Poetry, o ideal é que a pessoa já tenha familiaridade com python.


 


O que esperar da palestra?


O conhecimento básico para utilizar o Poetry no dia a dia.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Graphql: o que é mito e o que é verdade no dia a dia de um serviço em produção?

Conexão com APIs REST, Elasticsearch, bancos relacionais e nosql, parse de arquivos em disco, mutations e muito mais. Nessa palestra você vai entender como usamos Graphql na nossa API que entrega conteúdo para os portais do Valor Econômico e do Valor Investe. Vale a pena? Era melhor ter usado REST? Dá pra ter cache? Como gerenciar a complexidade de endpoints lentos e instáveis?  Vem comigo que a gente vai trocar uma ideia boa sobre o assunto!

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Identificação de ataques em APIs com Machine Learning e Python

Atualmente a maioria das APIs e aplicações web, utilizam WAFs/Firewalls para  "protege-las", porém, tais sistemas são baseados em regras, não impedindo o atacante de hackear as aplicações.


Veremos como utilizar o poder da inteligência artificial para identificar ataques em APIs, e utiliza-la para bloquea-los.


Pretendo demonstrar a aplicação de Machine Learning na identificação de cyber ataques com Python, Tensorflow e Fasttext


Veremos conceitos de Inteligência Artificial e Segurança da informação e como tornar APIs mais seguras, fazendo uma junção de IA + Segurança.


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Importância de ter dados abertos governamentais e seus aplicativos resultantes

O intuito desta atividade é apresentar quem somos e de onde somos, aluno e aluna do IFRN — Campus Ceará-Mirim, que com o apoio do nosso orientador e mestre Pedro Baesse tivemos a ideia de desenvolver uma plataforma digital (site), que mapeia fontes de dados abertos governamentais e softwares relacionados para o uso de desenvolvedores e pessoas comuns, onde é o próprio usuário que vai cadastrar tais informações. O proposito da apresentação é justamente mostrar a importância, os benefícios, suas aplicações e o que são dados abertos governamentais, além de divulgar a plataforma e por último contar um pouco sobre algumas experiências passadas em outros lugares, como em, feiras de ciências e na Campus Party Natal 2.


A apresentação pode atender a todas as categorias de públicos que vão conhecer um pouco mais sobre a cultura de uso dos dados abertos governamentais, onde é um direito de todo cidadão saber sobre a sua existência, pois ele promove controle social e engajamento de pessoas. A plataforma, que ainda está em desenvolvimento, visa ter um grande número de participação e colaboração do público, que pode ser usada por pessoas comuns, pesquisadores e jornalistas, e ainda, ter acesso ao código-fonte que será distribuído em Software Livre, as suas principais tecnologias usadas é Python com a framework Flask.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Inteligência artificial e micro serviços, o melhor de 2 mundos

Inteligencia artificial, machine learning e micro serviços são o futuro ? Na verdade estas tecnologias já são passado em muitas startups e empresas de alta tecnologia. Nesta apresentação vamos ver como utilizamos os algoritmos de machine learning em micro serviços, utilizando scikit e tenso flow com em REST APIs web com sanic e python async.
Claro, tudo dentro de containers em pods kubernetes na cloud pra otimizar a infra estrutura. Nossos micro servicos de classificação de ameaças baseados em inteligência artificial chegam a classificar 400 milhões de itens por dia.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Introdução a Machine Learning utilizando Python

Resumo


O estudo e aplicação de técnicas de Machine Learning vem crescendo em ritmo acelerado nas mais diversas áreas (medicina, robótica, detecção de falhas, segurança, marketing, etc.). Essa palestra vai apresentar os seus conceitos básicos, além dos principais tipos de aprendizado (supervisionado e não supervisionado) e principais tipos de problemas (classificação e regressão), utilizando exemplos em Python com a biblioteca sklearn.


Público-alvo


A palestra será de nível básico, iniciantes em Machine Learning e Python podem acompanhar a palestra com facilidade.

O Que Esperar da Palestra


Aprender sobre a conceitos básicos e aplicações de Machine Learning utilizando Python.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Lidando com Timezones - Como evitar dores de cabeça

Timezone é uma zona dor que a gente sente de perto. No último horário de verão - que não tivemos - observamos muita coisa quebrando ao nosso redor nas regiões do Brasil onde antes ele acontecia.
Nessa talk pretendo falar sobre como evitar dores de cabeça nos sistemas que escrevemos.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Mais de 10 dicas para começar sozinho a programar

Não é um caminho fácil aprender uma nova linguagem de programação, porém pode ser uma jornada mais tranquila. Basta seguir algumas dicas e utilizar as melhores maneiras.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Mantendo a documentação do Python (e do Django) em português.

Em 2019, depois de muito esforço de várias pessoas voluntárias, publicamos no site oficial da documentação do Python as traduções em Português. Porém, isso não quer dizer que o trabalho com as traduções diminuiu, muito pelo contrário. Nessa palestras vou mostrar como é o processo de traduções da documentação, como você pode aprender Python (e Django) traduzindo, e como contribuir para essa iniciativa mesmo sem saber inglês.


Ao final da palestra, espera-se que o público tenha uma boa noção de como funciona o processo de tradução da documentação do Python e interesse em colaborar.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Mercado de Trabalho para Iniciantes em Python

Resumo
Python vem ganhando muitos adeptos e também sendo adotado por muitas empresas, uma das consequências disso é a crescente evolução do seu ecossistema, que resulta numa série de novas ferramentas e ampliação das áreas de atuação da linguagem, como desenvolvimento web e ciência de dados. Esse acúmulo de informação pode gerar diversas dúvidas em iniciantes: "Python 2 ou 3?", "Qual framework estudar?", dentre outras, e o objetivo desta palestra é esclarecer essas e outras questões com foco no mercado de trabalho.

Público-alvo
Iniciantes em Python ou desenvolvimento em geral.

O que Esperar da Palestra
Um guia inicial sobre quais rumos tomar para atuar profissionalmente com Python.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Meritocracia pra quem? Uma Análise sobre o ENEM 2018

O Enem é a principal porta de entrada para o ensino superior no Brasil, mas, será que as condições de competição entre os participantes são exatamente iguais?


O objetivo dessa palestra é apresentar o estudo que foi realizado com os dados do ENEM no ano de 2018, mostrando a análise exploratória dos dados e em seguida aplicando testes de hipóteses com Python. Ao final do estudo os dados foram carregados para uma ferramenta de visualização de dados(Power BI) e foi elaborado um painel que também será disponibilizado durante a palestra.


 


Hipóteses que foram testadas:


1 - Qual tipo de escola forma alunos com maior desempenho?


2 - Quanto maior a renda, melhor o desempenho?


3 - A Escolaridade dos pais influencia no desempenho dos filhos?


 Público alvo: pessoas interessadas ou que já trabalham com Python para análise de dados.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Métodos de preservação de privacidade: como construir um projeto seguro

Dados são importantes. Nos últimos anos o número de leis relacionadas a privacidade foi de 20 para 100, alguns exemplos são: PCI compliance no setor de pagamentos, a GDPR europeia e a LGPD brasileira. Todos esses novos regulamentos tentam preencher uma lacuna antiga: o problema da anonimização de dados. Como proteger informações pessoais de usuários ao analisar, testar, processar ou compartilhar um banco de dados? E como continuar garantindo privacidade quando temos produtos baseados em IA?


Proteger os dados de clientes se tornou um ponto de falha para várias empresas e a solução está longe de trancar tudo em um lugar seguro. Compartilhar de dados é inevitável. Nesta palestra abordaremos o problema da anonimização de dados, explorando as técnicas mais comuns (K-anonymity, I-diversity, T-closeness) e as mais avançadas (Privacidade Diferencial, Federated Learning).


Quem é o público-alvo da sua palestra?


Pessoas de todos os níveis técnicos podem aproveitar esta palestra.


 O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?



  • Participantes irão aprender a importância de anonimizar uma base de dados e como realizar essa operação em um cenário real.

  • Quais são as partes relevantes para desenvolvedores de regulamentos comuns (GDPR, LGPD, PCI)

  • Quais são os principais algoritmos de anonimização e como eles funcionam? (K-anonymity, I-diversity, T-closeness)

  • Em que situações anonimização não é suficiente e o que fazer nessas horas

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Microserviços em Django com CQRS e Kafka - Alta performance em relatórios e listagens complexas

Já se viu em uma situação em que seu dominio é muito complexo e isso lhe impede de separar melhor o domini devido a problemas de filtragem e paginação? Ou se conseguiu teve problemas para gerar aquele relatório que precisa de todas as informações?


A pattern CQRS visa separar a escrita da leitura, vamos falar um pouco sobre como implementá-la com Python, Django e Apache Kafka

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Microsserviços e onde habitam

Atualmente há uma demanda crescente do uso de microsserviços para diferentes tipos de aplicações. Mas afinal, o que são microsserviços e onde habitam? Nessa palestra/conversa convido a todos a discutir o porque da existência dos microsserviços, onde podemos usar e mostrar o microframework Flask que pode ser utilizado com microsserviço de maneira enxuta, rápida e muito prática. 


Público alvo/nível: Iniciantes


A ideia é dar um norte a quem está começando, mostrando a ferramenta e suas facilidades como meio de aprendizagem e treino. Além de explicar termos utilizadosa atualmente, como microsserviços ou apis.


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Mineração de Repositórios de Software - O que é? Para que serve? E quais os benefícios para o Python.

Mineração de Repositórios de Software é uma área recente ( poucos mais de 10 anos ), onde se faz uso de gigantescas bases de dados de software e técnicas de Machine Learning para descobrir informações interessantes sobre software e novas aplicações para esses conhecimentos. A linguagem Python já recebe uma grande atenção dessa área, onde projetos apresentam soluções como, por exemplo, construir um interpretador Python que quando encontra erros em seu script, mostra sugestões a partir de perguntas do Stack Overflow, direto no terminal :D.


 


Público alvo: Todos


Público mais interessado: Desenvolvedores de Software - Cientistas de Dados - Pesquisadores


 


A palestra falará sobre essa nova área, suas aplicações, um pouco da minha experiência e como Python pode se beneficiar dela.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Muito além dos bits e dos meus cabelos brancos

E se você pudesse voltar no tempo, ou se pudesse ver o seu futuro? Mudaria alguma coisa? O que a experiência de uma pessoa com mais de 40 anos poderá nos ensinar?


Uma palestra sobre como os jovens estudantes, programadores, desenvolvedores e o público em geral, poderá traçar novos rumos na vida no tocante a tecnologia. Dotado de estudo de causos com experiências reais, o enredo levará a reflexão sobre a vida envolta à tecnologia. Tendo a visão do usuário final, os desenvolvedores podem notar como nós usuários lidamos com a tecnologia. Uma palestra para rir e chorar.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Não deixe a tecnologia atrapalhar a fase da sua carreira


Resumo: 

A cada segundo surge um novo framework, uma atualização de plataforma, um hype do momento e umas milhares de palavras que significam alguma coisa numa descrição imensa de uma vaga de Desenvolvimento de Software. E você que tá começando na área se sente como? Uma pessoa perdida, confusa e sem rumo?Entendo a sua dor. Acontece. E talvez em vez de começar de algum ponto e seguir sua carreira, você sinta mais perto de entrar em um loop infinito ou até mesmo desistir. E se você já é um profissional da área com experiência em outra tecnologia/linguagem que agora já não é tão utilizada ou que se modernizou tanto a ponto de ser completamente diferente do que você sabe? Há saídas e nesta palestra vamos conversar sobre isso :)


 

Motivo dessa palestra:

Ao organizar, participar de comunidades e auxiliar no processo seletivo de contratação de pessoas tenho notado que muitas pessoas sentem dificuldades em expressar suas habilidades, começar na área de TI e até mesmo em manter atualizado. Na universidade também percebo a mesma coisa. E muitos estudantes e profissionais não sabem como procurar vagas, conseguir o primeiro estágio, ter confiança para se candidatar, capacitar e ir evoluindo a carreira desde o início da graduação.

 

Estrutura da Palestra:

 

- Cenário da tecnologia e mercado de trabalho: O Nordeste e para além do Nordeste 

- Universidade x Autodidata

-  Como analisar vagas e aprender com elas

-  Como se preparar para chegar onde você quer

- Zero ao deploy na carreira 

- Erros e aprendizagens

 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Não fique desatualizado: Gestão de dependências em Python

Resumo
Hoje em dia é quase impossível (e, na maioria das vezes, não muito inteligente) desenvolver software sem depender de terceiros. O acervo de pacotes disponíveis pra Python é enorme e podem diminuir muito o tempo pra sua aplicação sair do zero pra produção. Porém como garantir que vai ficar tudo bem mesmo dependendo de código que não foi você nem seu time que escreveu?


Do requirements.txt basicão ao Poetry, existem várias ferramentas para gerir as dependências da sua aplicação e garantir que seu software está sempre com o que há de melhor no mundo open-source. Nessa talk serão abordados os diferentes métodos e as melhores práticas quando o assunto é estar atualizado.

Público-alvo
Desenvolvedores que utilizem python profissionalmente.

O Que Esperar da Palestra
Aprender as melhores práticas para gestão de dependências e ambiente em Python. 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

O braço direito do cientista de dados: Como começar a visualizar dados com python

Resumo: 


A palestra tem como objetivo dar uma introdução de como construir visualizações de dados usando a linguagem de programação Python com a biblioteca Matplotlib Pyplot. De forma objetiva e prática. Plotando gráficos de barra, linha, dispersão e pizza e ainda como você pode estar construindo gráficos intuitivos como o gráfico de Waffle.


Falaremos sobre a construção de um gráfico de barra, linha, dispersão e pizza. Como realizar a comparação de dois gráficos, como inserir legendas, marcadores, cores e tipos de linhas em seu gráfico.Estudo de caso com dados obtidos do datasus. Por ultimo, falaremos um pouco sobre gráficos intuitivos e como construir um gráfico de Waffle. 


Público-alvo:



  • Programadores Python

  • Pessoas interessadas em visualização de dados

  • Cientistas de dados (especialistas em Data Science)

  • Entusiastas de programação e visualização de dados


Há algum requisito ou pré-requisito para a palestra? 



  • Linguagem Python (básico)

  • HTML (recomendado, mas não obrigatório


O que esperar da palestra:



  • Visualização de dados com Python

  • Conhecer a biblioteca MATPLOTLIB PYPLOT

  • Construir gráficos de linhas, barras, pizza, dispersão e waffle

  • Manipular dados para construção de gráficos

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Oi, sumido: Troca de mensagens para aplicações

Resumo


Assim como a maioria das pessoas, os sistemas também se comunicam por mensagens. Principalmente quando eles estão mais distantes uns dos outros, desde em diferentes funções, classes, processos até em diferentes regiões. Nessa palestra irei mostrar como funciona e porque utilizar messaging com uma aplicação Python e comparar a eficiência com uso de API. Além disso, irei fazer um live coding com as ferramentas de messaging e apresentar um case real de utilização de padrão publish-subscribe.


Outline:



  • Por que utilizar?

  • Messaging vs API

  • Exemplo de aplicação em Python


    • Princípios e código-fonte


  • Escalando as mensagens

  • Ferramentas que podem ser utilizadas

  • Apresentação de case real


    • Dados do antes e depois do messaging




Quem é o público-alvo da sua palestra?
Programadores no nível intermediário e que tenham vontade de aprender mais sobre sistemas distribuídos.


O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?
Aprender como o padrão de publish-subscribe funciona, qual a necessidade de utilizá-lo e as ferramentas para implementar esse padrão.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

O Lado Escuro da Ciência de Dados

Ultimamente ouvimos bastante sobre a resolução de problemas usando ciência de dados, e chegamos até acreditar que os cientistas simplesmente recebem dados e fazem a mágica com eles, e do nada nasce uma Siri, uma Alexa ou um Watson. Mas por de trás de toda Machine Learning existe um minerador de dados que sofre com este lado obscuro dos dados. Te conto mais na Python Nordeste.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

O mundo da Ciência de Dados e importância de construir Data Lakes, não Data Swamps.

Resumo


A ideia da palestra é explicar o conceito por trás de Data Lakes, o porquê de ser tão importantes para uma empresa que pretende utilizar o Big Data a favor do seu negócio e quais são as boas práticas e estratégias que um engenheiro e arquiteto de dados deve ter para construir uma plataforma de dados organizada. Uma boa plataforma de dados, exclusivamente um Data Lake bem estruturado, facilita o trabalho de Analistas e Cientistas de Dados e proporciona melhores produtos de Business Intelligence e Data Science.


Também irei abordar as principais ferramentas e tecnologias Python que são utilizadas para construí-lo, como PySpark, APIs da cloud, Airflow e Prefect (ferramentas escritas em Python para orquestrar pipelines de dados), etc.


Quem é o público-alvo da sua palestra?



Nessa palestra o público alvo de interesse é de nível iniciante e médio, que já conhecem Python e sua importância para Cloud (como GCP e AWS), para área de dados das empresas e carreiras em tecnologia. Também para pessoas que estão curiosas e buscando aumentar seu conhecimento técnico acerca da área de big data, data science, BI e principalmente engenharia dados, e quais ferramentas predominam esse mercado, que é onde Python mais se destaca.


O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?



Os participantes irão adquirir um conhecimento teórico e técnico a nível de cloud, ferramentas e frameworks Python que são amplamente utilizados para construir um repositório/plataforma de dados de acordo com as boas práticas de engenharia e que está tomando cada vez mais espaço nas companhias data driven ao redor do mundo.


 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Open Balena - Como gerenciar os seus dispositivos da internet das coisas?

 Conhecendo a plataforma livre de gerenciamento de dispositivos da internet das coisas. Fácil e confiável podem descrever o Open Balena. Atualizações e operações de toda a sua frota de dispositivos será simples como um comando. Agora seu tempo pode ser todo no desenvolvimento do software do dispositivo que é o mais importante.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

O que faz um linguista computacional? (E o que Python tem a ver com isso?)

Linguística Computacional (LC) ou Processamento de Linguagem Natural (Natural Language Processing - NLP) existe desde o nascimento da Inteligência Artificial e as gramáticas de livre-contexto, por volta dos anos 50. Mas, com o desenvolvimento de ferramentas como Google, chatbots, tradutores automáticos, reconhecedores de fala etc, tem crescido bastante a demanda por profissionais cada vez mais especializados.


Em linhas gerais, o linguista computacional precisa modelar uma língua para que ela seja interpretável por um computador. Assim, necessita ter um bom conhecimento de Formalismos, Lógica e, pelo menos, ter noção de alguma linguagem de programação (Python é altamente recomendável). Também precisa conhecer muito bem o fenômeno linguístico em questão. Aí faz-se necessário recorrer à descrição e análise linguística e os recursos da Linguística de Corpus. Além disso, é desejável que tenha alguma familiaridade com abordagens diferentes da abordagem de regras (Machine Learning, por exemplo) e que esteja sempre atento às novidades e dinâmicas do mercado.


Obviamente, as exigências técnicas vão variar de acordo com as sua área de formação. Se você é um linguista, por exemplo, dificilmente vão te cobrar que você seja um exímio programador, mas você precisa saber dialogar com os profissionais da Computação e vice-versa. Nesta palestra, tentarei delimitar o campo de atuação da Linguística Computacional, focandos nas competências necessárias para ser um profissional da área e nas ferramentas e bibliotecas mais utilizadas.


 


Sobre a palestrante:


Katiusha de Moraes é doutoranda em Linguística (com ênfase em Computacional) - UFC, graduanda em Ciência da Computação (IFCE), advogada e tem experiências em diversos projetos de NLP.


 


Público alvo


Linguistas;


Profissionais da Computação;


Entusiastas de tecnologia.


 


Exige algum conhecimento prévio em Python?


Não.


 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

O que Feedback Efetivo pode fazer pela sua carreira

Se você trabalha num ambiente ágil de TI, provavelmente está ciente que o feedback é uma habilidade vital para construção de carreiras bem sucedidas.


Feedback é uma fonte poderosa de informações cruciais para chegar onde você deseja o mais rápido possível, quando utilizado com intencionalidade. A comunicação eficaz com colegas e clientes melhora o fluxo de trabalho, a dinâmica e os processos do time, permitindo que as pessoas alcancem objetivos e levem suas carreiras para o próximo nível.


Se cultura de feedback te deixa meio desconfortável, esse é o momento de dominar a fera!


Público Alvo


Profissionais de TI que estão buscando caminhos de crescer rapidamente na carreira e formar times ágeis (squads) de alta performance.


Pessoas que estão inseridas no mercado de trabalho há um certo tempo tendem a tirar melhor proveito dos conceitos mais técnicos de feedback, porém é um conteúdo que pode ser acompanhado por pessoas de todos os níveis e backgrounds. 


Aprendizados


1. Essenciais do Feedback Efetivo: pedindo, dando e recebendo insights


Diferença entre feedback e feedback efetivo


Como usar técnicas consolidadas de feedback para alavancar sua carreira 


2. Dinâmicas Ágeis de Feedback: aprendendo continuamente com seu time


Como manter o time performando de forma saudável


Como utilizar cerimônias ágeis para melhorar a participação, colaboração e fluxo de trabalho do time


3. Limites do Feedback: quando é hora de ir além do feedback


Como tomar ações apropriadas quando o limite da cultura de feedback é atingido


Qual o impacto que cultura de feedback saudável pode ter na vida das pessoas e empresa.


Feedback como ferramenta de transformação das dinâmicas sociais





Use the buttons bellow to vote:

author photo

Os desafios da implementação do ágil

O ágil vem se tornando uma das maneiras mais adotadas para ter mais sucesso na implantação de projetos. Porém essa adoção não é sem desafios. Aprenda o que te espera na transformação de uma equipe em ágil.
    
O público-alvo da palestra são pessoas iniciantes ou intermediárias no tema ágil que gostariam de aprender um mais sobre ágil aplicado na realidade.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Os Desafios de Resolução de Entidades na era do Big Data

 


Resumo:

Nesta palestra pretendo falar sobre o que vem a ser Resolução de Entidade, do inglês Entity Resolution (ER), apresentarei alguns termos técnicos como Deduplication, Canonization, Recod Linkage.


A resolução de entidades é a tarefa de desambiguar manifestações de entidades do mundo real em vários registros ou menções, vinculando e agrupando.  Por exemplo, pode haver diferentes maneiras de abordar a mesma pessoa em texto, endereços diferentes para empresas ou fotos de um objeto específico. Isso claramente tem muitas aplicações, principalmente dados de Saúde Pública e do Governo, pesquisa na web, comparação de compras, aplicação da lei, detecção de fraude e muito mais.


Algumas perguntas que vão ser respondidas na palestra são: Como empresas como  o Google usam ER no dia a dia? Quais os principais desafios na Resolução de Entidade na Era do Big Data ? Como usar o Python e técnicas de ER em projetos pessoais ? Como aplicar o Dedupe  ? 


Nessa palestra pretendo mostrar aos ouvintes os desafios da ER bem como mostrar o que é preciso para que possam aplicar técnicas de ER no trabalho e em projetos pessoais, empresáriais. 


 


Público alvo:


Progamadores (do nível básico ao avançado).


Profissionais que tenham afinidade ou se interessem por Análises de Dados, Ciência de Dados.


Profissionais e entusiastas de negócios que desejem melhorar processos de aquisição de dados e agregar valor para os projetos.

O que esperar da palestra?

1. Será apresentado o que vem a ser Resolução de Entidade.
2. Será mostrado exemplos de aplicações com Resolução de Entidades. 
3. Será mostrado os principais desafios da Resolução de Entidade na era do Big Data


4. Será mostrado o que vem a ser a biblioteca Dedupe.io e como usá-la.


5 Será mostrado um exemplo do uso Dedupe em um problema para  resolver a Resolução de Entidade. 


 


Há algum requisito ou pré-requisito para a palestra? 


1- Linguagem Python (básico)

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Pelo amor do Py, cobre isso aí: Testes unitários em Python além da Calculadora

Certamente você já foi provocado a garantir a qualidade do seu código através da cobertura de bons testes unitários garantindo uma boa cobertura e segurança para futuras alterações. Nas instruções que você recebe de testes unitários sempre tem aquele exemplo da calculadora, mas quando você se depara com seu código... buuum! Como cobrir uma classe de modelo, ou uma classe de um design pattern? o que cobrir de testes? Mocks? Nossa proposta é levar a audiência para o próximo passo em testes unitários. Bó?!


Devs Python com aquele vermezinho de melhorar a qualidade do seu código desenvolvido, do iniciante ao experiente verão demonstrações de testes unitários em projetos reais e boas práticas.


Autores: Joselito Filho e Lucas Amaral

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Pesquisa sobre a comunidade Python em Pernambuco

A partir de observações dentro das comunidades: PyLadies Recife, PUG-PE e o AfroPython, foi percebido que durante a organização de alguns encontros, uma expectativa estava sendo criada para o momento de inscrição. O que isso quer dizer? Que quando era preciso fazer inscrição, as vagas esgotavam em menos de 2 dias! Mas no dia do evento o número de abstenção era em torno de 30-50%.


Com isso, em Dezembro de 2019 foi realizada uma pesquisa de forma conjunta entre essas comunidades, com o intuíto de entender o que se estava sendo feito de errado durante a organização de encontros, também foi levantado perguntas que haviam aparecido ao longo do ano como "soluções" para alguns desafios. No total foram 93 respostas coletadas e muita coisa para se pensar na organização de encontros futuros.


Essa palestra tem o intuito de mostrar a nossa pesquisa para que ela possa ajudar outras comunidades que estejam também passando por uma realidade parecida com a que ocorreu em PE, além de refletir sobre a construção da pesquisa e sobre sua validade.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Por dentro de um projeto em Data Science: o caso do Venda Certa

RESUMO: Data Science já não é a profissão do futuro. Da gigante farmacêutica multinacional GSK, passando por varejistas brasileiros como O Boticário, até redes regionais de academias como a Just Fit, a ciência de dados já é usada, pelos mais variados players, para orientar seus movimentos de expansão de mercado e o sortimento e a precificação de seus produtos e serviços. Contudo, embora venha se tornando cada dia mais ubíquo, o trabalho dos (e das!) cientistas de dados ainda é, para muitos, envolto em dúvidas e mitificações: Que dados são esses? De onde vêm? Isso é legal? O que eles/elas fazem com esses dados?
Diante disso, o objetivo da palestra é apresentar o desenvolvimento de um projeto em Data Science: a aquisição dos dados, a modelagem do problema, a implementação das regras de negócio, os conhecimentos necessários, as ferramentas empregadas etc. E, para isso, vamos estudar o Venda Certa, nome dado internamente pela Ambev ao produto One-Click Order (OCO) da Big Data, que é pioneira na área de Data Science para performance de negócios no Brasil.


PÚBLICO-ALVO: Programadores(as) de diferentes níveis de experiência que se interessem por Data Science ou estejam em busca de oportunidade na área. É desejável, mas não obrigatório, que tenham alguma familiaridade com a linguagem Python e bibliotecas e pacotes como numpy, pandas e matplotlib.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Por que tentei subir minha primeira api Flask em mais de 5 minutos e falhei miseravelmente.

A inteção é mostrar ao público iniciante o que são Api's, microsserviços, suas diferenças e atrelado a isso mostrar as facilidade do uso do microframework Flask que pode ser utilizado com microsserviço de maneira enxuta, rápida e muito prática. 


Público alvo/nível: Iniciantes


Ao fim da palestra, o público deverá se sentir confiante em criar suas própias Api's e terem junto a elas, uma ferramenta de fácil uso e bom treino.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Porquê você deveria saber o que é Software Livre e a comunidade PotiLivre

Programas, aplicativos, sites e softwares em geral dominam as nossas vidas. Literalmente dominam, pois não sabemos o que realmente acontecem com nossos dados e somos presos aos desenvolvedores. Entenda como o software livre é vital para a sociedade atual e como é solução para nossa liberdade.
    
    O público-alvo dessa palestra são pessoas interessadas em conhecer um pouco mais sobre como o software livre impacta nossas vidas.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Pra que serve a associação Python Brasil?

Afinal para que serve uma associação?


Essa palestra tem como objetivo explicar de uma forma dinâmica:


qual a função da APYB (https://associacao.python.org.br/)
quem pode se associar?
como você pode usar o suporte contábil da APYB para realizar o seu evento local?




Use the buttons bellow to vote:

author photo

Princípios S.O.L.I.D explicados com exemplos em Python

#RESUMO 


Códigos mal escritos podem até funcionar. Mas, se o código não estiver limpo, poderá colocar um projeto em apuros quando haja a necessidade de uma manutenção futura (especialmente por outras pessoas). Em consequencia, todos os anos, inúmeras horas e recursos significativos são perdidos devido a códigos mal feitos. Mas isso não tem que ser assim. Boas práticas no desenvolvimento de software podem evitar essa armadilha.


Um exemplo dessas boas práticas é o SOLID. O SOLID é uma abreviação mnemônica para um conjunto de princípios de design criados por Robert C. Martin (conhecido por Uncle Bob) e abordados no artigo "The Principles of OOD", para o desenvolvimento de software em linguagens orientadas a objetos. Seus princípios visam promover um código mais simples, mais robusto e mais facil de manter. Quando implementado corretamente, torna o código mais extensível, lógico e mais fácil de ler.


Nessa apresentação veremos os cinco princípios que compõem o SOLID de maneira prática utilizando a liguagem Python, demonstrando como refatorar códigos para atender os princípios do SOLID e analisando seus beneficios.


#PÚBLICO-ALVO


Desenvolvedores com experiência em orientação a objetos que estejam buscando escrever código extensivel, de facil manutenção e limpo.


#O QUE ESPERAR DA PALESTRA


Através dos exemplos apresentados, aprender a aplicar os principios SOLID para escrever códigos limpos, reutilizaveis e de facil manutenção. 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Privacidade e IA - Responda perguntas com dados que você não pode ver

Já imaginou se você pudesse resolver problemas com dados que você não pode ver?


A tecnologia tem sido uma mão na roda pra resolver muitos problemas e facilitar a vida das pessoas, não podemos negar. Muitos desses problemas podem ser resolvidos com o uso de Inteligência Artificial, com o uso de técnicas de Machine/Deep Learning. Essas técnicas estão bastante presentes no nosso dia a dia, através de reconhecimento de voz e imagens, recomendações de filmes, nas pesquisas do Google, GPS, etc...


Não é tão difícil treinar modelos quando temos acesso ao dados que precisamos. Tanto que já conseguimos resolver muitos problemas problemas usando vários datasets abertos. Mas, pense comigo em outro tipo de problemas. Problemas como câncer, alzheimer, ansiedade, etc... A diferença entre eles é que ter acesso à dados privados (e sensíveis) é DIFÍCIL. Se pudéssemos baixar todos esses dados e construir modelos com uma ótima acurácia, conseguiríamos fazer um impacto significativo nesses problemas. E isso nos leva à pergunta: É possível responder perguntas com dados que você não pode ver? É isso que vamos discutir.


Público-alvo


Pessoas familiarizadas ou interessadas em inteligência artificial. Interessados em privacidade e segurança. Amantes de Open Source


O que esperar da palestra?


Vamos conhecer um pouco mais sobre a OpenMined, uma comunidade Open Source focada na pesquisa e desenvolvimento de ferramentas para Inteligência Artificial segura e com privacidade. Além disso, falaremos sobre um conjunto de ferramentas que nos permite fazer execução remota e criptografada, usando dados que não podemos ver, e obviamente, Python. 


"Com a OpenMined, um modelo de IA pode ser controlado por vários proprietários e treinado com segurança em um dataset distribuído e oculto."

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Produtividade e Processos de Desenvolvimento para Equipes Remotas

De acordo com a Survey de Desenvolvedores Anual de 2019 do Stack Overflow, 33.2% das pessoas desenvolvedoras querem trabalhar remotamente. Mas será que as empresas e equipes de desenvolvimento estão preparadas para adaptar seus processos de desenvolvimento de software ao trabalho remoto, mantendo ou aumentando a produtividade?


Nessa palestra, irei contar a minha experiência trabalhando por mais de um ano em uma empresa 100% remota, cujos processos sofrem mudanças contínuas, sempre buscando aumentar a produtividade e qualidade de trabalho e vida de todos. Também falarei sobre as minhas impressões sobre quais são as vantagens e desvantagens desse modelo.


O público alvo da palestra é o de desenvolvedores e gerentes de equipes que trabalham ou desejam trabalhar em algum grau remotamente, ou que tenham interesse em aumentar a produtividade do time.


Os participantes devem esperar conhecer as minhas opiniões sobre as vantagens e desvantagens do trabalho remoto e as metodologias utilizadas em uma equipe 100% remota, focada em produtividade, autonomia e qualidade de vida. 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Programação Cidadã: dados abertos e o porquê você deveria estar contribuindo

Entenda o que são dados abertos, a importância dos dados abertos para a sociedade e os motivos para começar a contribuir!


O público-alvo dessa palestra são pessoas interessadas em saber como ajudar a sociedade com suas habilidades de programação.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

ProjectX: plataforma online de correção para provas de algoritmos

A era digital trouxe muitos impactos não é mesmo?!


Na educação não seria diferente. O conhecimento que antes era transmitido apenas pelo professor, hoje é construído pela ação não só dos professores como  também dos alunos. Todas essas mudanças exigem adaptação do ensino-aprendizagem de forma a utilizar a tecnologia como aliada e assim, inovar as metodologias de ensino. O processo avaliativo, por exemplo é uma das fases mais importantes, já que demonstra os resultados das metodologias aplicadas pelo professor durante a disciplina. E por ser importante, demanda bastante tempo e dedicação dos educadores na elaboração e correção das provas. Trazendo este cenário para avaliações em disciplinas de programação, o processo é ainda mais cansativo por envolver também algoritmos como resposta para questões, que muitas vezes são escritos a mão pelo aluno. 


Pensando nisso, o objetivo do meu trabalho de conclusão de curso foi a construção de uma ferramenta que auxiliasse o professor durante todo o processo avaliativo, minimizando o tempo gasto no mesmo. ProjectX é uma plataforma online de correção para provas de algoritmos desenvolvida com a linguagem de programação Python, que utiliza containers Docker para realizar a correção dos algoritmos submetidos pelos alunos. Durante a conversa, irei mostrar o projeto desde a formação da ideia até a finalização do projeto, então não é necessário ter conhecimentos específicos para acompanhar, pois irei explicar tudinho! <3

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Python e Hacking – A liberdade da linguagem Python

Resumo:


A palestra abordará o porquê da linguagem Python ser bastante utilizada na comunidade de segurança da informação, nos permitindo criar qualquer ferramenta de forma prática e rápida, podendo automatizar todo o processo de um pentest, manipulando e configurando automaticamente outras ferramentas para que realizem todo o serviço sozinho ou programando uma nova ferramenta para fazer isso de forma independente sem necessitar de outras ferramentas auxiliares disponíveis.


Outline:



  • Falando sobre Python

  • Como funciona um Pentest

  • Ferramentas e automatização de serviços em um Pentest

  • Como funciona o processo de criação

  • Outros assuntos também serão abordados, como o uso de embarcados e gadgets.


Público-alvo:


Nível de Experiência Mínimo: Iniciante


O nível de experiência necessária para acompanhar é mínimo, mas não significa que desenvolvedores de nível médio à avançado não possam tirar proveito da palestra.


O que esperar da palestra:


Os participantes irão ter noções de como criar ferramentas e como funcionam as ferramentas usadas em um pentest e até mesmo para quem está iniciando, automatizar atividades que possam ser repetitivas, aprender mais sobre a linguagem Python e sobre segurança da informação.


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Python & IoT: Desbravando possibilidades com MicroPython

Resumo
Com a consolidação da Internet das Coisas no cotidiano, em ambientes corporativos e nas cidades, diversas empresas começam a explorar novas interfaces e interações. Esta palestra tem como objetivo apresentar os principais conceitos de Internet das Coisas e como usar python (MicroPython) para aplicações, inclusive codando ao vivo uma pequena aplicação durante a palestra com demonstração prática.


Público-alvo
Qualquer público, mesmo para quem ainda não conhece python. Para quem já conhece, vai ter a oportunidade explorar novas possibilidades.


O Que Esperar da Palestra?
Palestra divertida e envolvente que traz conceitos gerais de IoT e MicroPython sem dores de cabeça, além de ter livecode e IoT na prática com a plateia controlando.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Python para Android: desafios de um time de automação de testes para dispositivos móveis.

Resumo:


Quando se trabalha com Android alguns pontos polêmicos estão sempre presentes: fragmentação de versões diferentes de Android, interoperabilidade das aplicações, diferentes tamanhos e resoluções de tela, otimização de recursos do dispositivo móvel. Quando falamos de automação de testes para Android, acrescentamos ainda a manutenção do código do ambiente - afinal a plataforma recebe pelo menos 1 update ao ano. 


Escolher a linguagem e frameworks mais apropriados, adotar práticas de desenvolvimento do código, nivelar conhecimento do time, adoção de padrões, criação de bibliotecas: um time de automação de testes para Android vai muito além da execução e é preciso tirar o máximo de proveito de mundos como o de Python para que estes desafios sejam tratados e que o ambiente de automação seja um grande aliado e não uma dor de cabeça.


Essa palestra tem como objetivo apresentar os principais desafios de um ambiente de automação de testes para Android que utiliza Python como linguagem e o PyTest como framework. Com isto, vamos apresentar como utilizamos de soluções em Python (e quais) para lidar com estes desafios e entregar um ambiente de automação estável e funcional.


 


Público-alvo:


Profissionais da área de teste de software que já trabalham com automação ou que querem saber mais sobre o assunto; pessoas que desenvolvem aplicações móveis; pessoas que tem grande interesse em conhecer como funciona o contexto de teste de software. Não precisa ter conhecimento prévio específico de Python; este conteúdo é recomendado para qualquer nível de experiência com Python.


 


O que devem esperar:


Um relato de como é trabalhar em um ambiente de automação de teste de software para Android utilizando soluções em Python e quais são os grandes desafios para este contexto.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Python para Modelagem de Equações Estruturais

Modelagem de Equações Estruturais no Python: uma abordagem para estudos psicométricos. A palestra abordará o uso do Python para a aplicação da técnica de Modelagem de Equações Estruturais. Será utilizada na demonstração uma base de dados coletada de uma pesquisa realizada como dissertação de mestrado, com dados de atitude e comportamento, como cultura organizacional, satisfação e percepção.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Quando integrações não são um mar de rosas, e como não enlouquecer no processo.

Após a popularização do SaaS e a corrida de muitas empresas para disponibilizar suas soluções na nuvem e não ficarem para tràs, hoje uma gama quase ilimitada de serviços e plataformas estão a um GET de distância.


Integrar sua aplicação com essas plataformas e consumir APIs de terceiros é algo trivial ou é isso que estamos acostumados a ouvir. Mas o que acontece quando você precisa integrar com uma API mal documentada, com suporte limitado e sem uma comunidade forte?


Nesta palestra discutiremos sobre problemas comuns (e outros bem incomuns) que podem surgir nesse processo e a importância de nunca tirar conclusões precipitadas sobre o comportamento de um serviço.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Quem tem medo de RegEx...

Pretendo abordar de forma básica como regex pode facilitar a sua vida no dia a dia quando precisar lidar com strings :).

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Reconhecimento de Entendidas Nomeadas com a Biblioteca Spacy

Resumo:


Nesta palestra pretendo falar sobre a biblioteca Spacy, desenvolvida pela Explosion. É uma biblioteca open-source desenvolvida em Python, considerada uma das principais para Processamento de Linguagem Natural. Também mostrarei o conceito de Reconhecimento de Entendidas Nomeadas, do inglês Named Entity Recognition (NER).


Pretendo expor o Spacy com foco em tarefas NER,  mostrando como as técnicas de Aprendizado Profundo estão sendo aplicadas nas tarefas NER e quais os domínios para aplicação dessa técnica. Como por exemplo, dados do Governo, relatórios médicos, pesquisa na web, detecção de fraude e muito mais.


Público-alvo:



  • Programadores (do nível básico ao avançado).

  • Profissionais que tenham afinidade ou se interessem por Análises de Dados, Ciência de Dados.


O que esperar da palestra?



  1. Será apresentada a biblioteca Spacy.

  2. Será mostrado exemplos do Spacy aplicado em tarefas NER.

  3. Será mostrado os principais desafios das tarefas NER.

  4. Será mostrado um problema real que foi resolvido com o Spacy.


Há algum requisito ou pré-requisito para a palestra?



  1. Linguagem Python (básico).

  2. Pacote Anaconda Instalado.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Resiliência: Construindo aplicações de alta disponibilidade

Segundo pesquisa do IDC (2015,https://www.devopsdigest.com/idc-survey-appdynamics-devops-application-performance), a indisponibilidade de serviços acarreta um prejuízo entre $1.25 bilhões e $2.5 bilhões por ano para as maiores organizações americanas. Dentro deste contexto, amplia-se o conceito de criticidade de uma aplicação e qualquer serviço passa a ser considerado de alta disponibilidade.


Resiliência é a capacidade de um serviço recuperar-se de uma falha crítica. Em termos de microsserviços, alcançar a resiliência da aplicação como um todo torna-se um desafio exponencial. Cada downtime corresponde à uma caça da "agulha no palheiro", tanto para descobrir qual serviço que o acarretou a indisponibilidade (total ou parcial da aplicação) quanto a sua causa. Nesta apresentação vamos discutir as possíveis estratégias de resiliência, tanto quanto as ferramentas e implementações que podemos adotar em projetos python.


Público alvo: Desenvolvedores (python ou de outras linguagens), que possuam noções de arquitetura de software. A talk será focada em teoria e implementações, não sendo necessário conhecimentos profundos em devops.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Resumo de textos com NLTK em Python

Descrição:


Se você estiver interessado no Data Analytics, será muito útil aprender sobre o Processamento de linguagem natural. Um bom projeto para começar a aprender sobre PNL é escrever um resumo - um algoritmo para reduzir corpos de texto, mas mantendo seu significado original, ou fornecendo uma ótima visão do texto original.


Público-alvo:


Essa palestra tem como foco nos iniciantes  e entusiastas em Data Analystcs iremos ver como não existe bicho de sete cabeças e não precisa ser
um "Programadorzão" para fazer análise de textos com linguagem natural usando Python.


 


 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Robotframework: Um framework Python arretado para automação de testes!

Resumo

Vamos falar sobre o framework de testes escrito em Python para automatizar testes utilizando linguagem natural.

Falaremos sobre os testes automáticos que podem ser realizados com o Robot (testes web, de API, mobile e desktop), que são possíveis pela existência de inúmeras
bibliotecas (libraries) existentes, criadas e mantidas pela comunidade.
A ideia é demonstrar o Framework (utilizando exemplos práticos e reais), o seu poder e ganho de produtividade por se tratar de um framework que utiliza "keyword-driven", compatível com as versões 2 e 3 do Python, além de ser possível "rodar" no Docker e ser compatível com CI/CD e cross-bronwser.

Outline

- O que é o Robot Framework (~5 minutos)
- Arquitetura do framework (~3 minutos)
- Keyword-driven para escrita dos testes (~3 minutos)
- Libraries (bibliotecas) (~3 minutos)
- Instalação (~3 minutos)
- Escrevendo e executando um script de teste com o Robot (~8 minutos)
- Dúvidas (~5 minutos)


Quem é o público-alvo da sua palestra?

Pessoas que trabalham na área de desenvolvimento (QAs e Desenvolvedores), que tenham interesse no tema "Automação de Testes".

Não é necessário ter um grande background em desenvolvimento, já que o framework trabalha com autonível de abstração, através de keywords-driven.
Pessoas com nível iniciante podem assistir a palestra sem problemas.

O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?


Os/as participantes entenderão, através de um "overview", um pouco mais sobre testes e automação de testes, o funcionamento e arquitetura do Robot Framework e serão capazes de começar a utilizar o framework e realizar os primeiros testes automatizados.


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

ScanAPI: Automatização de Testes de Integração para a sua API

A ScanAPI é uma biblioteca de código aberto escrita em Python que possibilita a criação de testes de integração para REST APIs.



Através de um arquivo de configuração YAML, você consegue implementar testes automatizados para os endpoints da sua API. A biblioteca gera um relatório da execução dos testes que também pode ser utilizado como a própria documentação da API,


Essa palestra visa mostrar um pouco do funcionamento da ScanAPI, discutir os próximos passos a serem implementados e também divulgar a ferramenta para quem possa ter interesse, seja para sua utilização ou contribuição com o projeto!


Link do projeto: https://github.com/scanapi/scanapi

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Se a primeira impressão é a que fica, como Python pode ajudar novos programadores?

1 - Resumo


Uma breve discussão mostrando como Python pode ajudar novos estudantes e também como aumentar a disposição e o empenho dos alunos através da programação competitiva.


1.1 - Tópicos a abordados


        • Como linguagens de difı́cil sintaxe podem afastar os alunos de programação.
        • Porque Python é uma linguagem ideal para iniciar no mundo da programação.
        • Como aumentar o empenho dos estudantes por meio de ferramentas como o URI e competições como ICPC.
        • Como essas ferramentas podem ajudar a melhorar o raciocı́nio lógico dos alunos.
        • Minha experiência com essa metodologia.
        • Mesmo após já ter adquirido bons conhecimentos em algorı́timos e lógica podemos continuar com Python.


2 - Quem é o público-alvo da sua palestra


Estudantes iniciantes em programação que não sabem por onde iniciar ou que desejam formas e mecanismos de aumentar sua lógica para soluções de problemas, professores que buscam novas formas de ensinar programação para seus alunos e incentivá-los, mas também será útil para os demais públicos que desejam saber como Python pode mudar histórias.


3 - O que os/as participantes devem esperar da sua palestra


Um conteúdo que pode ajudá-los a obter êxito nos estudos sobre programação, que mostrar formas de aumentar suas habilidades em solucionar problemas. Diante de tudo, será um conteúdo que também servira de inspiração para educadores e educandos da área de TI.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

SOLID Python

O desenvolvimento de software evoluiu drasticamente nos últimos 30 anos. Conceitos e mindsets foram (e estão sendo) modificados de acordo com novos paradigmas e novos entendimentos sobre o tema.


Neste contexto, está a Orientação a Objeto, paradigma tão difundido, porém tão controverso.


"(...) most of us (developers) use those languages (OO) without knowing why, and without knowing how to get the the most benefit out of them."


"(...) maioria de nós (desenvolvedores) nos utilizamos dessas linguagens (OO) sem entender o porquê e sem saber como tirar o maior benefício delas."


Nesta talk, vamos falar sobre como os conceitos SOLID podem nos ajudar a elucidar os objetivos da Orientação a Objeto, com exemplos totalmente em Python(3!).


Público alvo: Desenvolvedores (python ou de outras linguagens), que possuam noções básicas de orientação a objeto e que se interessem por técnicas para auxiliar no desacplamento de código.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Técnicas da Gestão do Tempo e da Decisão

Somos governados pelo tempo, mas em uma época com cada vez mais atividades é uma tarefa difícil decidir como o tempo deve ser aproveitado. Nada melhor do que técnicas para ser mais produtivo e eficiente.
    
O público-alvo da palestra são pessoas que queiram melhorar a sua produtividade de maneira saudável.



Use the buttons bellow to vote:

author photo

Tecnologia é a nova liberdade: Como a tecnologia pode atuar no processo de ressocialização

Resumo: O Sistema penitenciario brasileiro apresenta muitos problemas: prende-se muito antes de julgar, prende-se muito por crimes sem violência e está chegando a quase o dobro de presos para oferta de vagas. Além disso as prisões tem cor e lugar, sendo composto na sua grande maioria por negros que se encontram nas comunidades, sem contar a ampla porcetagem de mulheres encarceradas em um ambiente estruturado para homens. No final, essas pessoas quando postas em liberdade, mais da maioria voltam a cometer crimes e são presas novamente.


Partindo do ponto tecnológico, muito tem sido investido dentro do sistema carcerário a nível de segurança para evitar fulgas e ser mais eficaz na busca de outras pessoas que ainda não foram presas. Mas o que se tem feito para que essas pessoas, uma vez em liberdade possam voltar a sociedade e não volte a ser uma ameaça a segurança publica? E as prisões que são feitas de forma enganosa, como evitar isso? Tecnologia são maiores que pessoas. Quais pessoas?


 


Quem é o público-alvo da sua palestra? Todas as pessoas, todos os níveis


 


O que os/as participantes devem esperar da sua palestra? A palestra esta dividida nos seguintes tópicos:


- Dados do Sistema Prisional


- Historia do Encarceramento em Massa Brasileiro


- Análise com recorte de gênero


- Problema da ressocialização


- Possíveis Soluções


Após a palestra espera-se que o ouvinte esteja ambientado da problemática e possa pensar em soluções ou se integrar a soluções existentes

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Trabalhando com código legado: lições aprendidas a partir do conhecimento, pensamento e ideias de outrem.

Resumo


Todo mundo adora falar sobre como seu novo produto será disruptivo, mudará o mindset do mundo, irá fazer a gig economy realidade para você, mostrará como B2P é a grande saída, como IoT as a Service com Big Data, bots e blockchain aplicada à aprendizagem de máquina para fintechs é o caminho. Mas quem quer falar sobre aquilo que tá aí, todos os dias, fazendo você passar raiva (e pagar suas contas e diversão): os malfadados sistemas legados?


Nessa palestra pretendo compartilhar um pouco das minhas experiências e aprendizagens nesse tortuoso caminho do desenvolvimento de software. Não importa se você é iniciante - talvez você aprenda uma ou outra coisa aqui - ou já tá nessa fazem anos - quem sabe não terá algo para compartilhar? Se aconchegue no aparato onde repousa seu corpo e me dê o privilégio de sua companhia!


 


Quem é o público-alvo da sua palestra?


Pessoas que estão no mercado de trabalho no desenvolvimento de software, sejam iniciantes, veteranas ou mesmo não desenvolvedoras, que por ventura trabalhem no desenvolvimento de software. Ter pelo menos uma base ajuda a entender alguns conceitos mencionados - como refatoração e débito técnico  - mas não é imprencidível para acompanhar.


 


O que os/as participantes devem esperar da sua palestra?


Uma pequena viagem pelos meus percalços, fracassos e sucessos e as lições aprendidas nesse processo. O foco não é em código (os casos apresentados, em sua maioria, estão em Java e PHP), mas sim no trabalho mental e em possíveis abordagens quando se trabalha com legado.


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Transparência Corporativa por padrão: aprendizado com o caso Buffer

A Buffer fatura atualmente mais de 500.000 dólares mensalmente com seu serviço de gestão de mídias sociais. O seu faturamento não é o único item em que é transparente. Adotando o valor “transparência por padrão”, a empresa revela diversas informações que geralmente são privadas como salários, destino do faturamento e até mesmo e-mails. Isso faz com que futuros clientes e funcionários entendam como a empresa funciona e abracem a firma de um modo totalmente diferente.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Uma introdução a Algoritmos Genéticos

Idealizados nos anos 60 e 70, algoritmos genéticos utilizam o conceito de seleção natural para resolver problemas difíceis de se resolver de forma direta e determinística. Nesta palestra, destinada ao público intermediário, irei mostrar como construir um algoritmo genético simples em Python e os tunnings que você pode fazer para resolver problemas com maior eficiência.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Uma solução Python, semi-automática, para extração, transformação e carga de dados abertos conectados

Resumo


A internet nas últimas décadas tem incorporado-se cada vez mais nas nossas vidas, nos mais diversos aspectos desde indústria, saúde, gestão, relacionamentos e etc. O que, talvez, algumas pessoas não saibam é que os seus insumos, os dados, também atravessaram uma série de mudanças até alcançar o propósito e as possibilidades que hoje eles prometem.


Para entendermos o cenário macro analisaremos rapidamente a evolução dos dados na web e seus paradigmas: Dados Abertos, Dados Conectados, Dados Abertos Conectados e Padrão 5 Estrelas. Veremos também conceitos de Data Warehouse, como ETL (Extract Transform and Load), e DevOps. 


Tudo isso para tirarmos proveito ao máximo do nosso estudo de caso. Uma aplicação com toda codebase em Python desenvolvida na Universidade Federal do Maranhão - UFMA, onde a partir de portais totalmente públicos foi feita (1) a abertura destes dados, através de scrapers e disposição destes por meio de uma API REST; (2) a conversão dos dados para formato de dados conectados (xml rdf); e por fim (3) a carga e conexão destes para um banco de dados conectados.


Publico-Alvo


Estudantes, pesquisadores e profissionais de tecnologia que tenham interesse em trabalhos interdisciplinares. Estudantes, pesquisadores e profissionais da área de Ciência da Informação que procuram introduzir-se ou aprofundar-se mais nas tecnologias paralelas à área.  Inciantes em projetos colaborativos.


Objetivos


Entender os paradigmas de dados na web, acompanhar o desenvolvimento de uma aplicação python desde a sua idealização à implementação e mostrar que é possível adaptar as ferramentas que estão disponíveis no mercado de maneira a alavancar o seu projeto. 


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Um Testbed para Mobile Cloud Computing usando Python e Docker

Mobile Cloud Computing (MCC) é um paradigma da Computação em Nuvem onde dispositivos móveis conseguem utilizar recursos externos (por exemplo uma máquina virtual) para realizar tarefas que tomariam muito tempo ou mesmo fossem inviáveis de se executar no próprio dispositivo móvel. No entanto, mesmo com os avanços feitos na área, não há ferramentas disponíveis para que desenvolvedores e pesquisadores possam projetar ambientes de teste escaláveis para avaliarem as soluções desenvolvidas.


Nessa palestra apresento o MCC Testbed, uma ferramenta que permite a criação de ambientes de teste para a execução de experimentos de forma fácil e replicável, utilizando containers Docker que exercem as funções de clientes (emuladores Android), servidores e load balancers. Além disso, também falarei sobre a API disponibilizada pela ferramenta, que permite a criação de scripts Python para a automatização de experimentos.

Use the buttons bellow to vote:

author photo

UrnaPi - Django e Raspberry, uma urna eletrônica open source-hardware

Resumo:


A palestra irá abordar como foi a construção de uma Urna Eletrônica usando Django e Raspberry Pi, motivos de sua concepção, resultados obtidos com o trabalho, materiais usados, análise do código.


Outline:



  • Falando sobre Python e Django

  • Falando sobre Raspberry Pi

  • Ferramentas utilizadas e construção

  • Funcionamento da Urna e Análise de Código

  • Resultados obtidos com o trabalho.


Público-alvo:


Nível de Experiência Mínimo: Iniciante


O nível de experiência necessária para acompanhar é mínimo, mas não significa que desenvolvedores de nível médio à avançado não possam tirar proveito da palestra.


O que esperar da palestra:


Os participantes irão ter noções de como funciona o framework Django e o que se pode fazer utilizando ele, aprender a utilizar algumas funcionalidades do raspberry.


 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

Using Data Analysis and Machine Learning to Identify Violence Zones in Somalia

The conflicts in Somalia have reached alarming levels, year after year many people are victimized by disputes of territory and dominance of spaces. The problem has reached intolerable levels in the international community.


This report aims to inform intervention actions through insights that are placed as strategic tools for facing the presented problems. The work is part of Omdena’s AI challenge in partnership with the UNHCR — The UN Refugee Agency.



The data is derived from a wide variety of local, regional and national sources and the information is collected by trained data experts around the world.


Use the buttons bellow to vote:

author photo

Vivendo a catastrofe total - Observabilidade e Microserviços

Observabilidade é sobre alcançar um entendimento profundo sobre o nosso sistema em produção. Isso não apenas ajuda a depurar problemas mas também remove incertezas e especulações. Essa palestra é sobre o motivo e a forma de se adotar observabilidade como uma cultura de engenharia de software

Use the buttons bellow to vote:

author photo

WebScraping, Python e Ordem da Câmara dos Vereadores

Eu não sei se isso aconteceu com você, mas nas minhas rodas de conversa o tema política vem sendo uma pauta cada vez mais constante. No fim, a gente sempre fica com aquela pulga atrás da orelha sem saber o que exatamente está sendo feito com nosso dinheiro, o que tanto vem sendo discutido pelos políticos, quanto tempo vem sendo gasto nessas discussões… enfim.


Foi pensando nisso que começamos uma analise do conteúdo das Ordens do Dia da Câmara dos Vereadores como resultado de um projeto de disciplina de Ciência de Dados (UFRN). Vamos usar esse tempinho do evento para conversar sobre como usamos Python, WebScraping e PLN (Processamento de Linguagem Natural) para chegar nas nossas descobertas.


Durante a palestra vou falar de algumas ferramentas e recursos python que usei para o projeto acontecer, como BeautifulSoup (raspagem de dados), PyPDF2 (extração de texto de PDF), expressões regulares e o NLTK (linguagem natural). A ideia é falar sobre essas soluções de forma introdutória e didática, então quem estiver começando estudar ciência de dados pode aproveitar bastante a palestra, mas sugiro ter um certo conhecimento de Python. 

Use the buttons bellow to vote:

author photo

What is Open? Baby don't close me, don't close me, no more!

Dados abertos governamentais são de fundamental importância para um país sem corrupção e verdadeiramente democrático. Entretanto essa abertura de dados não se limita ao governo ou ao software livre. Conheça outras fontes de dados abertos que você pode ajudar e contribuir ou utlizar.


Use the buttons bellow to vote: